Zikagames - Início Ir para conteúdo
keyboard_arrow_down
account_circle Entrar

Entrar



  • Não recomendado para computadores públicos


  • Esqueceu sua senha?

person_add Cadastre-se

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''veja''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Anúncios e novidades
    • Regras
    • Anúncios
    • Entre para a equipe Zikagames!
  • Eventos Exclusivos - Zikagames
    • Bolão do Brasileirão!
    • Sorteios Zikagames!
    • Membro do mês - Zikagames!
    • Outros eventos
  • Parceiros da Zikagames!
    • TZN SHOW!
    • Athens Graphics - Discord
    • Autism - Discord
  • Espaço do usuário
    • Apresente-se para a Zikagames!
    • Tutoriais Zikagames
    • Suporte ao usuário
    • Sugestões/Reclamações
  • FPS Zone
    • Fortnite
    • PUBG
    • CS:GO
    • Apex Legends
    • CrossFire
    • Rainbow Six
    • Outros FPS games
    • Lixeira
  • RPG/MOBA zone
    • League of Legends
    • Tibia
    • World of Warcraft
    • WYD
    • Ragnarok
    • Grand Theft Auto - GTA
    • Red Dead Redemption 2
    • Outros RPGs/MOBA em geral
    • Lixeira
  • Plataformas
    • Xbox
    • Playstation
    • iOS/Android/Portáteis
    • Retrô/Emuladores
    • Lixeira
  • Design Zone
    • Galeria DesignZone
    • Tutoriais DesignZone
    • Recursos DesignZone
    • Pedidos DesignZone
    • Suporte DesignZone
    • Bate-papo DesignZone
    • Lixeira
  • Info ZONE
    • Softwares
    • Hardwares
    • Delphi
    • Visual Basic
    • C / C++
    • JAVA
    • Javascript
    • Desenvolvimento web
    • Criações InfoZone
    • Lixeira
  • Comércio ZikaGames
    • Promoções
    • Cupons
    • Doação/Venda/Troca entre usuários
    • Bate-papo (COMÉRCIO ZG)
    • Lixeira
  • Diversos
    • Bate-papo geral
    • Entrevistas
    • Trackers
    • Análises e Reviews
    • Notícias e Novidades
    • Músicas/Vídeos
    • Lixeira

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


Sobre


Discord


Instagram


Facebook


Twitter


Youtube

Encontrado 20 registros

  1. A Microsoft é conhecida pelo sistema operacional Windows e por softwares como o pacote Office, mas também fabrica seus próprios computadores. Os notebooks Surface existem desde 2012 e, ao longo dos anos, ganharam diversas versões. Entre elas estão os 2 em 1 Surface Pro, voltado para o mercado profissional, e Surface Go, com hardware mais simples. Há também o Surface Book, um notebook avançado com teclado destacável, e o Surface Laptop, que tem formato mais tradicional. Os produtos se destacam por trazerem componentes modernos e design sofisticado, características que podem torná-los alternativas a lançamentos de marcas como Asus, Dell, HP, Lenovo e Samsung, mais comuns no segmento. Veja a seguir mais detalhes sobre os produtos da Microsoft e saiba se algum deles vale a pena para você. Design Os computadores da linha Surface têm construção em liga de magnésio, algo similar ao que é encontrado no MacBook. Os modelos Surface Pro e Surface Go são caracterizados pelo formato discreto de tablet com suporte na traseira e teclado integrado para usar no modo notebook. Ambos são portáteis o suficiente para levar em uma bolsa pequena sem chamar a atenção, mas prometem funcionar bem para digitar trabalhos com conforto. O Surface Go está disponível na cor prata, enquanto o Surface Pro 6, modelo mais recente da linha, tem acabamento em preto ou cinza. O Surface Book tem visual mais chamativo por conta do sistema de acoplagem do teclado. Em vez de um conector magnético mais simples, o computador tem um braço chamado Muscle Wire Lock, responsável por fixar a tela na base. Essa, por sua vez, não conta apenas com o teclado, mas também com mais bateria e componentes de hardware como placa de vídeo dedicada (nos modelos mais caros). O dispositivo está disponível apenas na cor prata. Já o Surface Laptop traz o design mais convencional de todos. Trata-se de um notebook sem muitas inovações em termos de estrutura física, deixando o toque mais refinado para o material que recobre a área do teclado, um tecido colorido que ajuda a dar mais conforto ao apoiar o pulso. O laptop também oferece a maior variedade de cores entre todos os dispositivos Surface, com opções em preto, cinza, vermelho ou azul. Desempenho A ficha técnica pode variar bastante de acordo com a linha escolhida pelo usuário. O mais simples entre os modelos é o Surface Go, um computador com processador Intel Pentium Gold 4415Y, destinado a tarefas básicas, sendo voltado principalmente para estudantes. O notebook traz armazenamento que vai de 64 GB em eMMC a 128 GB em SSD, além de memória RAM de 4 GB ou 8 GB. O processamento de gráficos fica por conta da GPU integrada Intel HD Graphics 615. Em seguida aparecem o Surface Laptop 2 e o Surface Pro 6. Ambos contam com processador Core i5 ou i7 de oitava geração, de 8 GB a 16 GB de RAM e SSD de 128 GB, 256 GB, 512 GB ou 1 TB. O mais avançado é o Surface Book 2, que traz como diferencial a presença de uma placa de vídeo dedicada, a GeForce GTX 1050 de 2 GB ou a GTX 1060 de 6 GB, ambas da Nvidia. As especificações são parecidas com as do Surface Laptop. A segunda geração do computador traz processadores desde o Core i5 de sétima geração até o Core i7 de oitava, memória RAM de 8 GB ou 16 GB e armazenamento em SSD que pode chegar a 1 TB. Qualidade de imagem Os computadores Surface oferecem displays com tecnologia PixelSense no formato 3:2 e com resoluções Full HD ou superiores. A evolução da qualidade segue lógica parecida com o hardware interno: quanto mais avançadas forem as especificações de hardware, sobe a contagem de pixels do painel. O Surface Go traz tela de 10 polegadas com resolução de 1.800 x 1.200 pixels, enquanto o Surface Laptop 2 sobe para 13,5 polegadas com 2.256 x 1.504 pixels. Na sequência está o Surface Pro 6, com painel de 12,3 polegadas e definição de 2.736 x 1.824 pixels, seguido pelo Surface Book: a versão de 13,5 polegadas tem 3.000 x 2.000 pixels, enquanto a de 15 polegadas traz 3.240 x 2.160 pixels. Sistema operacional Todos os computadores Surface vêm com Windows 10 instalado de fábrica com pequenas variações. Surface Go e Surface Pro vêm com Windows 10 Home, enquanto o Surface Book 2 conta com Windows 10 Pro. Já o Surface Laptop 2 traz o Windows 10 com S Mode, que permite instalar apenas apps fornecidos na loja do sistema. No entanto, é possível optar por instalar o Windows 10 Pro no notebook a qualquer momento. Garantia e preço É importante ter em mente que a Microsoft não comercializa os computadores Surface no Brasil, e, portanto, não oferece suporte de garantia no país. No exterior, os produtos da empresa contam com 1 ano de garantia contra defeitos de fabricação. Consumidores com viagem marcada para o exterior podem adquirir produtos da linha Surface diretamente pelo site da Microsoft. Vale ressaltar que há uma taxa de 60% sobre o excedente de US$ 500 em produtos comprados fora do Brasil, cobrada pela Receita Federal na chegada ao país. O Surface Go tem preços entre US$ 399 e US$ 679, enquanto o Surface Pro 6 vai de US$ 899 a US$ 2.299, dependendo da configuração, aproximadamente R$ 3.459 e R$ 8.846, respectivamente. O preço inicial do Surface Laptop 2 é de US$ 999, e pode chegar a até US$ 2.699 na versão mais potente, algo em torno de R$ 3.843 e R$ 10.385. Mais caro, o Surface Book 2 custa, pelo menos, US$ 1.099, valor que pode chegar a US$ 2.999 no modelo de 15 polegadas com ficha técnica mais avançada – ou, em conversão direta, cerca de R$ 4.228 e R$ 11.539. Uma alternativa é optar pela compra no Brasil, por meio de lojas e revendedores que trabalham com importação. Nessas condições, o Surface Go pode ser encontrado por a partir de R$ 3 mil, o Surface Pro 6 por a partir de R$ 5.900 e o Surface Laptop 2 por, no mínimo, R$ 7 mil. O Surface Book 2 é o mais fácil de encontrar na internet, mas o valor parte da casa dos R$ 10 mil. Créditos ao TechTudo!
  2. A franquia Counter-Strike é uma das mais famosas do mundo dos videogames e dos esports. Lançado inicialmente como um mod do game Half-Life, o jogo fez sucesso ainda em sua versão beta e foi disponibilizado para download pela Valve oficialmente em novembro de 2000. O game marcou a geração das lan houses e foi um dos percursores dos jogos competitivos. A versão mais recente da série, o Counter-Strike: Global Offensive, chegou em 2012 e faz sucesso até hoje. Confira, a seguir, a evolução dos jogos em um comparativo entre o CS e o CS:GO. Lançamento e plataformas Após 19 versões beta, Counter-Strike foi lançado oficialmente em 2000 somente para PC, na versão 1.0. O jogo recebeu diversas atualizações até chegar na 1.6, jogada até os dias de hoje. Em sua versão base, o game contava com o modo multiplayer com diversos mapas distribuídos em modos de detonação de bomba (que contam com prefixo "de_" antes de seu nome), resgate de refém ("cs_") e assassinato ("as_"). É possível também jogar partidas com bots. Em 2019, CS 1.6 ainda conta com uma média de aproximadamente 10 mil jogadores por mês, sendo um dos 50 games mais populares na Steam. Já Counter-Strike: Global Offensive foi disponibilizado para PlayStation 3,Xbox 360 e PC quando foi lançado em 2012. Apesar disso, muitas de suas atualizações não estão disponíveis para os consoles, como a que deixou o jogo gratuito e acrescentou um modo Battle Royale no fim de 2018. CS:GO conta com os mapas do CS 1.6 repaginados, com melhores gráficos e algumas alterações no layout, além de também oferecer playlists de jogos mata-mata, corrida armada, entre outros. Gráficos, modos e mods da comunidade Tanto CS 1.6 quanto CS:GO contam com gráficos bons para jogos que buscam ser acessíveis para computadores mais básicos. A primeira versão da franquia tem similaridades com Half-Life, enquanto a mais recente conta com a engine Source, disponível desde Half-Life 2 e otimizada para os dias de hoje. Os mapas são frequentemente atualizados e melhorados pela própria desenvolvedora. Ambos os games também recebem muitas modificações da comunidade. Entre os mods clássicos do CS 1.6 estão os mapas de surf, onde o jogador pode deslizar por superfícies diversas, e que também estão presentes na versão mais recente do jogo. Mudanças criadas pela própria comunidade também foram implementadas oficialmente pela Valve no CS:GO, como o modo Deathmatch. Competitivo As competições de CS 1.6 foram disputadas em eventos como a Cyberathlete Professional League (CPL), World Cyber Games (WCG) e Electronic Sports World Cup (ESWC). De acordo com o site Esports Earnings, o game distribuiu mais de US$ 13 milhões (R$ 50 milhões na cotação atual) em prêmios e Brasil foi um dos países de destaque no cenário internacional. A antiga Made in Brazil (MIBR) venceu a ESWC 2006 e a DreamHack Winter 2007, e contou com jogadores que ficaram marcados na história do jogo, como Raphael "cogu" Camargo e Lincoln "fnx" Lau. Com o CS:GO, a franquia se consolidou ainda mais no cenário competitivo, distribuindo mais de US$ 76 milhões (R$ 293 milhões em conversão direta) e se tornando o segundo jogo que mais premiou da história. Atualmente, o game conta com dois Majors oficiais da Valve por ano, além de outros campeonatos de sucesso, como a ESL Pro League, a BLAST Pro Series e a ESL One. O Brasil é um país de destaque no cenário competitivo de CS:GO, com nomes de sucesso como Gabriel "FalleN" Toledo e Marcelo "coldzera" David. Os jogadores, que atualmente estão na line up da MIBR, venceram dois Majors enquanto atuavam na Luminosity Gaming e SK Gaming. Via Esports Earnings, SteamCharts, Counter-Strike Wiki
  3. Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) tem diversos mapas de surf para players que querem experimentar formas diferentes de jogar o game da Valve. Os mapas são criados por jogadores e focam na movimentação em alta velocidade por ambientes cheios de obstáculos para deslizar e pular. Alguns deles contam até mesmo com mini games e sistemas de pontuação. O modo de jogo começou na versão 1.6 do Counter-Strike e foi criado por Charles "Mariowned" Joyce, em 2004. Veja, a seguir, como acessar os mapas de surf no CS:GO e confira uma lista com cinco opções para jogar com amigos. Como adicionar e jogar os mapas de surf Passo 1. Ao abrir o game, selecione o botão "Jogar" localizado no canto superior esquerdo da janela principal; Passo 2. Na aba "Criação de Partidas Oficiais", selecione a opção "Mapas da Oficina"; Passo 3. Clique no botão "Acessar Oficina" localizado no canto superior direito da tela para abrir o navegador da plataforma Steam; Passo 4. Digite "Surf" na caixa de busca para que todas as opções do modo apareçam nos resultados; Passo 5. Navegue pelos resultados e escolha um dos mapas sugeridos; Passo 6. Na página do mapa escolhido, clique no botão "Inscrever-se" e pressionar a tecla "Esc" do seu teclado para retornar à tela principal de CS:GO. O mapa será adicionado automaticamente à sua lista; Passo 7. Ao retornar à tela principal de CS:GO, selecione o mapa adicionado e, em seguida, clique no botão "Ok" localizado no canto inferior direito. Caso o mapa não apareça como opção selecionável, basta reiniciar o jogo. Lembre-se colocar a seta do seu mouse em cima do mapa adicionado para ver avisos importantes dos desenvolvedores. Alguns dão dicas que facilitam a jogatina ou avisam sobre a adição de comandos no console do game; Passo 8. Alguns mapas oferecem modos aos jogadores, como "Casual", "Competitivo" e "Personalizado". Selecione o modo de sua preferência e pressione o botão "Pronto"; Passo 9. Como visto no Passo 7, será preciso adicionar os comandos "sv_accelerate 12" e "sv_airaccelerate 50000" no console do CS:GO para aumentar a aceleração dos personagens. Para abrir o console, espere o mapa ser carregado e apertar a aspa (') de seu teclado. Nos dispositivos ABNT, a tecla fica ao lado esquerdo do número 1. Digite o comando no console e aperte "Enter". Por fim, aperte a tecla "Esc" de seu teclado para retornar ao jogo. Mapa para Iniciantes O mapa Surf_Beginner é uma das opções iniciais mais recomendadas para os que querem aprender os principais comandos do modo, já que seus obstáculos são mais simples e bem distribuídos na tela. Mestres do Surf Descrito como "divertido e fácil", Surf_Master é um dos mapas mais recomendados do modo. Com mais de 500 mil inscritos, o mapa pode ser uma boa opção para aprimorar as habilidades de surf em CS:GO. O retorno de um mapa consagrado Surf_Greatriver é um dos mapas de surf mais conhecidos da versão 1.6 de Counter-Strike. Por causa do seu sucesso, os desenvolvedores criaram o Greatriver Remix R2, uma versão atualizada do mapa para CS:GO, um pouco mais avançada para os familiarizados com o modo de jogo. Além do modo surf, o mapa conta com mini-games e lugares secretos. A mistura entre CS:GO e Egito Explorar o Egito também é uma possibilidade com o mapa Surf_Egypt2, criado por "Mariowned". Com as famosas pirâmides e paisagens egípcias, Egypt2 é considerado por muitos como um dos melhores mapas do modo Surf. Referência cinematográfica Surf_Kitsune presta homenagem a TRON, uma franquia de filmes sobre o game de fliperama. Com visuais inspirados no clássico de 1982, o mapa do modo surf pode ser uma boa opção para os fãs do longa que querem se aventurar em cenários coloridos semelhantes à obra de ficção científica. Via Reddit
  4. PUBG Lite chegou ao PC nesta quinta-feira (23) com download grátis para todos. O jogo da PUBG Corp era muito aguardado e é uma versão mais leve do Battle Royale de sucesso PlayerUnknown’s Battlegrounds (PUBG). Assim, o download do título requer requisitos mínimos e recomendados mais modestos do que o game original. Para jogar é preciso acessar o site oficial do PUBG Lite (www.lite.pubg.com/download/), baixar o instalador e abrir em um computador que cumpra, pelo menos, os requisitos mínimos. Em PUBG, 100 jogadores são colocados em uma arena para se enfrentarem em busca do Chicken Dinner, termo utilizado para o único player vivo no final da partida. Na versão lite, o jogo conta com os mapas Miramar e Erangel. Os territórios Vikendi e Sanhok são exclusivos do game original. Além disso, os gamers poderão testar as suas habilidades no Modo Treino. Veja, a seguir, os requisitos mínimos e recomendados para rodar a versão gratuita de PUBG no PC. Via PUBG Lite
  5. O segundo split do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) 2019 começa no próximo sábado (1) às 13h, horário de Brasília. A equipe que vencer a final do torneio será a representante brasileira noMundial de League of Legends2019, que acontece na França entre outubro e novembro. Os jogos serão transmitidos ao vivo nos canais oficiais da Riot Games na Twitch TV, YouTube e Cube TV, e também no canal de televisão SporTV. Veja, a seguir, o guia completo da segunda etapa do CBLoL 2019, com datas dos jogos, horários e equipes que competirão no torneio. Equipes participantes O segundo split de 2019 contará novamente com oito equipes. Os times que disputarão a vaga no mundial de League of Legends 2019 são: INTZ e-Sports, Flamengo eSports, CNB e-Sports Club, Redemption eSports POA, Uppercut Esports, KaBuM! e-Sports, paiN Gaming e Team oNe. Os últimos dois times conquistaram suas vagas pela vitória do Circuito Desafiante e Sério de Promoção, e ocuparão os lugares das rebaixadas Vivo Keyd e Pro Gaming. Vale destacar que, com exceção do Flamengo, todas as equipes sofreram mudanças em suas line ups. Formato de disputa e premiação O formato do segundo split seguirá o mesmo formato da temporada anterior. As equipes se enfrentarão em séries melhores de três (MD1) durante a fase de pontos, jogando aos sábados e domingos por três meses. As rodadas começam às 13h e prosseguem com partidas em sequência às 14h, 15h e 16h. A cada vitória, o time ganha um ponto na tabela. Ao final da primeira fase, as quatro melhores colocadas se classificam para os playoffs que serão disputados em série melhor de cinco (MD5). As equipes vencedoras dos confrontos se classificam para a grande final, que acontecerá no dia 7 de setembro. A premiação total do segundo split do CBLoL 2019 será de R$ 200 mil, sendo R$ 70 mil destinado para o primeiro lugar e R$ 40 mil para os vice-campeões. Calendário No segundo split, serão 11 semanas de disputas na fase de pontos. O confronto de estreia será entre o atual vice-campeão Flamengo eSports e a paiN Gaming. Confira, a seguir, as datas e horários de todos os jogos da segunda etapa do CBLoL 2019: Semana 1 Sábado (01/06) 13h – Flamengo eSports x paiN Gaming; 14h – Uppercut Esports x CNB e-Sports Club; 15h – INTZ e-Sports x Redemption; 16h – Team oNe x KaBuM! eSports. Domingo (02/06) 13h – paiN Gaming x CNB e-Sports Club; 14h – Uppercut Esports x Team oNe; 15h – Redemption x KaBuM! e-Sports; 16h – INTZ e-Sports x Flamengo eSports. Semana 2 Sábado (08/06) 13h – Redemption x Team oNe; 14h – KaBuM! e-Sports x INTZ e-Sports; 15h – CNB e-Sports Club x Flamengo eSports; 16h – paiN Gaming x Uppercut Esports. Domingo (09/06) 13h – INTZ e-Sports x CNB e-Sports Club; 14h – Flamengo eSports x Redemption; 15h – Team oNe x paiN Gaming; 16h – Uppercut Esports x KaBuM! e-Sports. Semana 3 Sábado (15/06) 13h – INTZ e-Sports x Uppercut Esports; 14h – paiN Gaming x Redemption; 15h – KaBuM x Flamengo eSports; 16h – CNB e-Sports Club x Team oNe. Domingo (16/06) 13h – KaBuM! e-Sports x paiN Gaming; 14h – Team oNe x INTZ e-Sports; 15h – Flamengo eSports x Uppercut Esports; 16h – Redemption x CNB e-Sports Club. Semana 4 Sábado (22/06) 13h – Flamengo eSports x Team oNe; 14h – CNB e-Sports Club x KaBuM! e-Sports; 15h – paiN Gaming x INTZ e-Sports; 16h – Uppercut Esports x Redemption. Domingo (23/06) 13h – paiN Gaming x Flamengo eSports; 14h – Redemption x INTZ e-Sports; 15h – CNB e-Sports Club x Uppercut Esports; 16h – KaBuM! e-Sports x Team oNe. Semana 5 Sábado (29/06) 13h – KaBuM! e-Sports x Redemption; 14h – Flamengo eSports x INTZ e-Sports; 15h – Team One x Uppercut Esports; 16h – CNB e-Sports Club x paiN Gaming. Domingo (30/06) 13h – INTZ e-Sports x KaBuM! e-Sports; 14h – Uppercut Esports x paiN Gaming; 15h – Flamengo eSports x CNB e-Sports Club; 16h – Team oNe x Redemption. Semana 6 Sábado (06/07) 13h – CNB e-Sports Club x INTZ e-Sports; 14h – paiN Gaming x Team oNe; 15h – KaBuM! e-Sports x Uppercut Esports; 16h – Redemption x Flamengo eSports. Domingo (07/07) 13h – Team oNe x CNB e-Sports Club; 14h – Flamengo eSports x KaBuM! e-Sports; 15h – Redemption x paiN Gaming; 16h – Uppercut Esports x INTZ e-Sports. Semana 7 Sábado (13/07) 13h – Uppercut Esports x Flamengo eSports; 14h – CNB e-Sports Club x Redemption; 15h – INTZ e-Sports x Team oNe; 16h – paiN Gaming x KaBuM! e-Sports. Domingo (14/07) 13h – Redemption x Uppercut Esports; 14h – KaBuM e-Sports x CNB e-Sports Club; 15h – INTZ e-Sports x paiN Gaming; 16h – Team oNe x Flamengo eSports. Semana 8 Sábado (20/07) 13h – INTZ e-Sports x Redemption; 14h – Uppercut Esports x CNB e-Sports Club; 15h – Team oNe x KaBuM! e-Sports; 16h – Flamengo eSports x paiN Gaming. Domingo (21/07) 13h – Uppercut Esports x Team oNe; 14h – INTZ e-Sports x Flamengo eSports; 15h – Redemption x KaBuM! e-Sports; 16h – paiN Gaming x CNB e-Sports Club. Semana 9 Sábado (27/07) 13h – CNB e-Sports Club x Flamengo eSports; 14h – KaBuM! e-Sports x INTZ e-Sports; 15h – paiN Gaming x Uppercut Esports; 16h – Redemption x Team oNe. Domingo (28/07) 13h – Uppercut Esports x KaBuM! e-Sports; 14h – Team oNe x paiN Gaming; 15h – INTZ e-Sports x CNB e-Sports Club; 16h – Flamengo Esports x Redemption. Semana 10 Sábado (03/08) 13h – CNB e-Sports Clube x Team oNe; 14h – KaBuM! e-Sports x Flamengo eSports; 15h – paiN Gaming x Redemption; 16h – INTZ e-Sports x Uppercut Esports. Domingo (04/08) 13h – KaBuM! e-Sports x paiN Gaming; 14h – Redemption x CNB e-Sports Club; 15h – Team oNe x INTZ e-Sports; 16h – Flamengo eSports x Uppercut Esports. Semana 11 Sábado (10/08) 13h – Uppercut Esports x Redemption; 14h – Flamengo eSports x Team oNe; 15h – CNB e-Sports Club x KaBuM! e-Sports; 16h – paiN Gaming x INTZ e-Sports. Semifinais Sábado (24/08) 13h – 1º colocado x 4º colocado. Domingo (25/08) 13h – 2º colocado x 3º colocado. Grande Final Sábado (07/09) 12h - Vencedor da semifinal 1 x Vencedor da semifinal 2. Série de Promoção Sábado (21/09) 13h – 7º Colocado CBLoL x 2º Colocado Circuito Desafiante. Via LoL Esports BR e Liquipedia
  6. Os mapas presentes em Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) são cheios de detalhes. Cada região é conhecida por ''callouts", isto é, apelidos que facilitam a comunicação entre players na hora do jogo. Essas chamadas ''não oficiais'' variam de país em país, e a comunidade brasileira criou a sua própria linguagem. Algumas callouts homenageiam atletas, que se destacaram no passado por jogadas ou movimentações que fizeram sucesso. Veja, a seguir, cinco atletas do Brasil que têm homenagens em mapas. Coldzera – Mirage Marcelo ''coldzera'' David foi protagonista de um dos momentos mais marcantes da Mirage na história do cenário competitivo. A jogada ocorreu em 2016, durante a MLG Major Columbus, contra a Team Liquid. Perdendo por 15 a 9 na primeira partida da semifinal, os brasileiros da Luminosity Gaming estavam a um ponto da derrota. Coldzera estava sozinho na defesa do bombsite B, mas, mesmo em desvantagem, conseguiu repelir a entrada de cinco terroristas na região do tapete. O craque brasileiro utilizou sua AWP para anotar quatro abates e comandar a virada da Luminosity – campeã do Mundial em questão. O local ficou eternizado com um grafite. Cogu – Inferno Raphael "cogu" Camargo, atleta que marcou a época de Counter-Strike 1.6, ganhou uma homenagem na Inferno. Com a camisa da MIBR, em 2016, o atual técnico da Falkol foi autor de uma jogada memorável contra a Fnatic na final da ESWC, que acabou sendo o primeiro título mundial da equipe brasileira. Com a ajuda de um ''pézinho'', Cogu subiu no telhado da região do Xuxa, e, pacientemente, eliminou quatro oponentes que tentavam investir sobre o bombsite A. Desde então, a posição é utilizada como callout por diversos players da comunidade brasileira. Gaules – Train Já na Train, quem ficou eternizado por uma callout foi Alexandre "gaules" Borba, ex-jogador e atual streamer. Antes de se dedicar às transmissões de campeonatos e produção de conteúdo, o profissional se destacava em competições na versão 1.6. Em 2001, fundou a g3x e revolucionou a maneira de pensar estratégias na Train. Gaules passou a defender sozinho o bombsite B pelo lado CT e a jogada ganhou notoriedade. A região superior do local é chamada pelo seu nome até hoje por jogadores brasileiros. FalleN – Dust2 Gabriel ''FalleN'' Toledo, AWPer da MIBR, não poderia ficar de fora. Considerado um dos maiores jogadores de Counter-Strike do mundo, o sniper dá nome ao carro localizado no bombsite A da Dust2. O local é também conhecido como ''crash''. Por ser AWPer de ofício, FalleN precisa trabalhar a longa distância, e o carro presente no mapa é perfeito para marcar investidas na caverna e varanda. O craque brasileiro ficou conhecido por movimentações nesse perímetro e por isso recebeu a homenagem da comunidade. btt – Inferno Thiago "btt" Monteiro, jogador que se destacou no CS 1.6 com as camisas da MIBR, g3x e CNB, é homenageado em uma posição na Inferno. A callout em questão fica dentro do bombsite B, exatamente entre a região da caixa tripla e piscina. O pro player era conhecido por segurar a posição quando estava no lado CT, e por lá realizou boas jogadas. O posicionamento de ''âncora'' ganhou destaque e o nome de btt virou marca registrada na comunidade brasileira. Via Liquipedia e HLTV
  7. Enquanto a repórter do SBT estava cobrindo o enterro do cantor Gabriel Diniz - que infelizmente veio a falecer após um desastre aéreo -, ela sofreu uma tentativa de assalto! É, realmente, nosso Brasil é um país que precisa ser estudado pela Nasa, situação aqui não é fácil não. Felizmente, o roubo não foi efetivado e a pessoa segurada até a chegada da polícia, detendo o indivíduo. Complicado né? Créditos ao Ryzen pelo texto; Ideia do tópico ao 403 - Forbidden.
  8. O campeão Mordekaiser de League of Legends (LoL)recebeu um rework na última terça-feira (28). As mudanças no visual e kit de habilidades do personagem haviam sido anunciadas em janeiro deste ano pelo time de desenvolvimento da Riot Games. Mordekaiser, que já havia passado por modificações anteriormente, ganhou com o update uma passiva que amplia o poder de seus ataques básicos, um ataque padrão que também aumenta o poder do seu Q, um W defensivo e controle de grupo com seu E. Confira, a seguir, o que mudou nas habilidades Mordekaiser depois da atualização. O visual de Mordekaiser estava desatualizado e o seu design era confuso. Na atualização mais recente do jogo, a Riot fez pequenas alterações no personagem: o campeão recebeu um extra de cinco no dano de ataque, e passou a receber menos cinco de dano. No novo rework, as habilidades e jogabilidade de Mordekaiser foram modificadas. Confira as mudanças a seguir: Passiva: Ascensão das Trevas Com ela, os ataques básicos de Mordekaiser causam dano mágico adicional. Após três habilidades ou ataques contra um campeão, a Ascensão das Trevas causa dano aos inimigos próximos e dá velocidade de movimento até Mordekaiser sair de combate. Q: Obliterar Mordekaiser bate seu bastão, causando dano em área ou dano adicional em um único inimigo. W: Indestrutível O soberano das trevas absorve 25% do dano recebido e do dano causado. Conjurar o W uma vez gera um escudo com esse valor. Mordekaiser pode conjurar a habilidade novamente para consumir 50% do seu escudo em troca de vida. E: Aperto mortal Em seu efeito passivo, o E faz Mordekaiser ganhar 25% de penetração mágica. No efeito ativo, uma garra mortal arrasta os inimigos em sua direção, causando dano. R: Reino da morte Mordekaiser bane um único campeão inimigo para o Reino da Morte. Os dois lutarão por sete segundos e o campeão roubará um percentual dos atributos principais do adversário. Se Mordekaiser matar o alvo, ele consome sua alma, mantendo os atributos parciais até o inimigo renascer no jogo. Via Dot Esports e Dot Esports
  9. Ragnarok M: Eternal Love, versão para celulares Android e iPhone (iOS) do clássico Ragnarok Online, tem o modo Endless Tower, em que os jogadores devem tentar chegar ao final de uma torre matando monstros a cada andar. No entanto o grande diferencial da ET é a possibilidade de enfrentar rapidamente vários bosses — tanto MINIs quanto MVPs — em um único local e conseguir seus itens raros. Para acessá-la é preciso estar em um grupo e alcançar o nível mínimo necessário. Veja, a seguir, como funciona a Torre Infinita e como entrar. Como acessar a Endless Tower Passo 1. Para ter acesso a Endless Tower é preciso alcançar o nível 52 de personagem. Então, o jogador receberá automaticamente a quest "Lugar Legendário", dizendo para procurar o NPC Karoo em Izlude; Passo 2. Após o diálogo, a alternativa "Origem de 'Torre'" ficará disponível e pode ser escolhida sempre que o jogador quiser ir para ET. Selecione a última opção, e em seguida confirme; Passo 3. Pronto, você estará na ilha em que se encontra a torre. Siga para o norte e encontrará o totem (Stele Antigo) que dá acesso aos andares. Escolha "Endless Tower"; Passo 4. Será mostrada uma lista dos andares que podem ser acessados. Andares em azul mais escuro são os que já foram conquistados, em azul claro é o próximo disponível, e com a bandeira, aquele em que você e seu grupo pararam de subir; Passo 5. Depois de selecionado o andar e confirmados os membros do grupo, você poderá começar a escalar a Endless Tower a partir do ponto que escolheu. Como funciona a Endless Tower A Endless Tower é um evento semanal. Os jogadores exploram os andares, matam monstros e bosses e recebem os itens (loot) que eles deixam cair. Vale lembrar que os inimigos da torre não dão pontos de experiência. Revisitar um dos níveis não garante novas recompensas, mas é possível ganhar Provas de Amizade e Contribuição (se o jogador fizer parte de uma guilda) por ajudar companheiros de grupo. Às segundas-feiras, o progresso de todos os jogadores é resetado e eles podem explorar a torre desde o início, recebendo todas as recompensas novamente. Até que isso ocorra, só é possível receber os drops dos monstros e bosses avançando para novos andares, que vão até o 100º nível. A cada dez andares, haverá um boss MVP, com todos os itens que ele dropa normalmente. Além disso, mini bosses podem ser encontrados aleatoriamente em qualquer andar. Os MINIs e MVPs são definidos pelo último número do canal em que o jogador está hospedado. Por exemplo, jogadores nos canais BR1, BR21 e BR31 encontrarão os mesmos bosses pelo caminho. Se o grupo for derrotado, os membros podem retomar de onde pararam falando com o totem/portal no início. Apesar de a Endless Tower não dar pontos experiência, a penalidade por ter o personagem morto pelos monstros ainda se aplica. Via Ragna Mobile Guide
  10. O Positivo Motion é um notebook da Positivo que visa oferecer uma boa relação custo-benefício. Voltado para usuários que precisam de um laptop apenas para textos simples e navegação na web, ele chegou ao Brasil em 2017, mas permanece como opção de baixo custo: em abril de 2019, o modelo já custa na casa dos R$ 950 em lojas online, de acordo com o Compare TechTudo. No entanto, é preciso ter atenção às especificações, já que esse tipo de máquina está longe de agradar a todos os usuários. Entenda a seguir quais são as principais qualidades e defeitos do computador. Vale lembrar que o valor está sujeito a alterações, visto que se refere ao menor preço encontrado pelo comparador até a data de publicação da matéria. PONTOS POSITIVOS 1. Fino e leve Um dos destaques do Positivo Motion é o design discreto. Ao contrário de boa parte dos modelos da mesma faixa de preço, o notebook tem peso leve, de 1,43 kg, e mede 1,8 cm de espessura. As medidas são parecidas com as do MacBook Pro de 13 polegadas, que tem 1,37 kg e 1,49 cm de distância entre a mesa e a tampa. Com tela de 14 polegadas, o computador pode ser uma boa alternativa para quem não pode gastar muito, mas não dispensa o mínimo de portabilidade: o laptop deve ser confortável para carregar na mochila. 2. Bateria de 6 horas As especificações simples devem ajudar o computador a conseguir uma boa autonomia. Segundo a fabricante, o Positivo Motion dura até 6 horas de uso com a bateria de 10.000 mAh totalmente abastecida. O número tende a ser uma vantagem, por exemplo, para quem precisa digitar durante um longo período de estudos ou trabalho sem precisar se preocupar em conectar o carregador na tomada. No entanto, vale lembrar que esse desempenho dificilmente será alcançado se o usuário resolver navegar com um programa pesado como o Google Chrome, por exemplo. 3. Preço baixo Não há muitos notebooks no mercado brasileiro por menos de R$ 1 mil, principalmente com algumas características oferecidas pelo Positivo Motion. O notebook chegou ao país em outubro de 2017 por R$ 1.109 e teve redução de cerca de R$ 200 no preço. Atualmente, lojas do e-commerce já vendem o modelo Q232A por até R$ 950 à vista. Os valores dependem das ofertas do dia que podem ser verificadas em comparadores como o Compare TechTudo. PONTOS NEGATIVOS 1. Processador simples O Positivo Motion traz um chip Intel Atom Cherry Trail Z8350, com processador quad-core de 1,92 GHz voltado para tarefas simples. O componente tem baixa capacidade de processamento e não é indicado para quem precisa editar fotos ou vídeos, ou até mesmo carregar páginas da web mais pesadas sem se deparar com certa lentidão. O hardware modesto é outro motivo para dispensar o Chrome e usar o Edge, da Microsoft, para navegar. 2. Pouca memória Além de processador fraco, o Positivo Motion tem apenas 2 GB, especificação digna de celular básico que afeta diretamente o desempenho no dia a dia. Com pouca memória, o computador tende a ter dificuldades para executar mais de uma tarefa ao mesmo tempo sem travar. É possível que um computador do tipo também apresente congelamento ao lidar com documentos pesados do Word ou do PowerPoint que contenham muitas imagens, por exemplo. Por outro lado, essa característica não deve impactar tanto na hora de abrir arquivos, já que o armazenamento em SSD garante velocidade maior de leitura e gravação de dados em comparação com o HD tradicional. 3. Armazenamento limitado Embora o armazenamento do computador seja em SSD, o que é uma vantagem, o espaço disponível pode ser limitante. Com somente 32 GB nominais, o Positivo Motion deve oferecer cerca da metade para uso livre pelo usuário ao considerar o espaço ocupado pelo Windows 10 Home, algo que impacta negativamente no uso prolongado: atualizações do sistema e poucos programas instalados tendem a lotar o dispositivo rapidamente. Uma maneira de contornar o problema é aproveitar a entrada microSD para expandir a capacidade com um cartão de memória adquirido à parte. Créditos ao TechTudo!
  11. O futebol é uma paixão nacional que também encontrou espaço nos videogames e em celulares Android e iPhone (iOS). Apesar de serem mais simples, os jogos de futebol mobile são divertidos e simulam bem as disputas dentro de campo, como o caso do popular Pro Evolution Soccer 2019 (PES). Além disso há títulos em que o jogador pode atuar na área técnica, como é o caso de Online Soccer Manager. O TechTudo reuniu, a seguir, cinco jogos gratuitos de futebol para celulares que têm recursos online para jogar com amigos do mundo inteiro. Dream League Soccer 2019 Dream League Soccer é desenvolvido pela britânica First Touch Games. A primeira versão do game foi lançada em 2011 para iOS. A edição 2019 está disponível tanto para o sistema da Apple quanto nos celulares da Google. No iPhone, o jogo ocupa 435 MB de memória, enquanto no Android o peso do jogo é bem menor, cerca de 72 MB. Dream League Soccer 2019 tem uma jogabilidade fluída e descomplicada. No modo online é possível jogar contra amigos e jogadores do mundo todo. Ao vencer as partidas o jogador melhora sua classificação em uma ranking e ganha prêmios e medalhas virtuais que servem para contratar jogadores melhores, por exemplo. FIFA Football Muito popular nos consoles, o FIFA também possui uma versão mobile desenvolvida pela Electronic Arts. Disponível na App Store (184,9 MB) e Play Store (70 MB), a edição deste ano do game possui o brasileiro Neymar como estrela. O jogador pode ser comprado para a sua equipe, apesar de ser uns dos mais caros. FIFA Football é um jogo 3D que simula uma partida de futebol. A jogabilidade é intuitiva e os comandos são expostos na tela de acordo com a posição do time em campo. No jogo é possível encarar torneios e ligas, incluindo a UEFA Champions League. No modo online existe o "Um contra Um", que coloca o seu time contra jogadores de todo o mundo em uma partida com dois tempos de dois minutos. Pro Evolution Soccer 2019 O maior rival do FIFA no mundo dos consoles também possui sua versão para celulares. Pro Evolution Soccer Mobile, o popular “PES”, é produzido pela Konami, assim como nos consoles de mesa. Ele pode ser baixado em aparelhos com sistema iOS e Android, na App Store (1,5 GB) e Play Store (42 MB), respectivamente. Entre os diferenciais, PES possui mais de 12 ligas licenciadas e conta com a presença de craques que já penduraram as chuteiras, como David Beckham e Ronaldinho Gaúcho. O modo online do game permite jogatinas locais contra amigos e partidas contra jogadores de várias partes do globo. Esse segundo estilo pode proporcionar prêmios em dinheiro virtual usado na contratação de outras estrelas para o seu esquadrão. Soccer Royale 2019 Desenvolvido pela espanhola Genera Games e lançado no ano passado, Soccer Royale 2019 é um game que mistura um jogo de cartas com futebol. Ele pode ser baixado na App Store (246,7 MB) e Play Store (40 MB). Como se fosse uma versão contemporânea de futebol de botão, a produção coloca os jogadores em um tabuleiro com formato de campo e as ações ocorrem em turnos. Por causa disso a jogabilidade muda na hora de atacar e defender. O online coloca o player para enfrentar jogadores de vários países. Quando vencido, o PVP (player versus player) dá bônus para compras de cartas melhores que dão "power up" nas ações de jogo. Além disso, quem escolhe jogar em rede participa de rankings e pode melhorar sua qualificação até chegar ao topo. Online Soccer Manager Online Soccer Manager é desenvolvido pela Gamebasics e está disponível para Android (20 MB) e iOS (439, 9 MB). Ao contrário dos outros jogos citados, ele coloca o jogador na pele de um “manager”. Muito comum no futebol europeu, o manager é um treinador que também assume funções gerenciais e diretivas, como controle de finanças, contratações e dispensas de jogadores. O gameplay tem entrevistas na sala de imprensa, controle do nível de satisfação da diretoria e organização do calendário de jogos, além da definição do esquema tático em campo. Online Soccer Manager possui mais de 5 milhões de jogadores, licenças oficiais de clubes e competições e conta com atletas do mundo real, como Vinícius Júnior, Cristiano Ronaldo e Lewandowski. Todas as ligas e campeonatos podem ser jogados online. Também é possível chamar amigos para jogar nos mesmos torneios. Créditos ao Techtudo!
  12. O Mid-Season Invitational 2019, segundo evento internacional mais importante de League of Legends (LoL), acontece entre os dias 1 e 19 de maio no Vietnã e Taipé Chinesa. Com o primeiro split dos torneios regionais finalizados, cada liga já tem o seu time para o MSI definido. A representante brasileira na competição será a INTZ e-Sports, que conquistou o título da primeira etapa do CBLoL 2019 após vencer o Flamengo Esports na grande final. Os Intrépidos iniciarão sua jornada na Fase de Entrada, que acontece do dia 1° ao dia 7 de maio no Vietnã. Nessa fase, dez equipes disputarão três vagas para o Evento Principal, previsto para ocorrer do dia 10 ao dia 19 do mesmo mês. O sorteio dos grupos da Fase de Entrada será realizado na manhã de terça-feira (23). Veja, a seguir, todas as equipes classificadas para o MSI 2019. MSI 2019 - Equipes participantes Atual campeã do mundo, a Invictus Gaming vem como grande favorita para levar o MSI 2019. A equipe fez uma campanha sólida na fase de grupos da LPL e fechou os playoffs com apenas uma derrota em todas as séries disputadas. Não muito distante, está a SK Telecom T1, tricampeã mundial, que finalizou na segunda colocação da fase de grupos da LCK e passou invicta pelos playoffs, batendo a Griffin por 3-0. Para sua campanha no MSI 2019, a INTZ irá com a mesma escalação do título do CBLoL, com Rodrigo "Tay" Panisa, Diogo "Shini" Rogê, Bruno "Envy" Farias, Guilherme "Mills" Conti e Ygor "RedBert" Freitas. A última vez que a INTZ teve a oportunidade de representar o Brasil na competição foi em 2016, quando acabou eliminada nas semifinais do antigo International WildCard. Via LoL.Gamepedia
  13. A MIBR disputará suas três primeiras partidas da classificatória regional para a ESL Pro League Season 9 nos próximos dias. O time brasileiro de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) está no grupo C e enfrentará Luminosity Gaming, Cloud9 e Team Envy. Os confrontos serão realizados neste fim de semana, com transmissão ao vivo nos canais oficiais do evento em três plataformas: Facebook, Twitch e YouTube. Veja, a seguir, o calendário dos primeiros jogos da MIBR pela ESL Pro League Season 9 no horário oficial de Brasília. Sexta-feira (19 de abril) 21h25 – MIBR x Luminosity Gaming Sábado (20 de abril) 21h25 – MIBR x Team Envy Domingo (21 de abril) 21h25 – MIBR x Cloud9 Todos os duelos seguirão o formato MD3. Caso a MIBR termine a rodada em primeiro lugar, estará automaticamente classificada para as Finais da ESL Pro League Season 9 em Montpellier, França, no dia 18 de junho. Caso termine em segundo ou terceiro lugar, o quinteto brasileiro terá outra chance de garantir vaga na final ao enfrentar os sobreviventes dos demais grupos na segunda etapa do campeonato, marcada para começar no dia 14 de maio. Além da Luminosity e da MIBR, outras duas organizações brasileiras foram convidadas a disputar a nona temporada: INTZ e DETONA Gaming. Os Intrépidos já cumpriram seus compromissos e terminaram na lanterna do grupo A. Já os Pitbulls começam a sua trajetória no dia 23 de abril contra Denial Esports, Infinity Esports e Isurus Gaming. A ESL Pro League Season é uma das principais competições do circuito internacional de CS:GO. Esta já é a nona temporada do evento, que distribuirá premiação total de US$ 750 mil (R$ 2,8 milhões em conversão direta). Além da etapa americana, existem também as eliminatórias da Europa, Ásia e Oceania. Ao fim dos qualificatórios, as 16 melhores equipes avançam para as finais. Via Liquipedia e HLTV
  14. Fortnite Battle Royale recebeu o patch v8.40 nesta quarta-feira (17) no PC, PS4, Xbox One, Nintendo Switch e na versão Fortnite Mobile para Android e iPhone (iOS). A atualização chega com um novo Modo de jogo por Tempo Limitado: o Aeronáutica Royale. Além disso a Epic Gamesimplementou novos upgrades para o Rifle de Infantaria, além de itens e personagens inéditos para comemorar o feriado de Páscoa. Confira, a seguir, as notas do patch v8.40. Modo por Tempo Limitado: Aeronáutica Royale O objetivo em Aeronáutica Royale é o mesmo do Battle Royale: sobreviver e tentar ser o último jogador vivo na arena. Porém, neste modo é preciso fazer isso enquanto pilota um avião Stormwing X-4. Só é possível jogar em duplas e cada equipe conta com três vidas. Se o avião tocar o chão, o jogador é eliminado instantaneamente. Cada aeronave inimiga que for abatida concede uma vida para a dupla. Outra diferença do modo em relação ao Battle Royale é a tempestade que limita o tamanho da arena. No Aeronáutica Royale ela cresce de forma vertical e diminui a altitude disponível para o voo. Armas, munições e kits de reparo podem ser adquiridos em baús caem do céu durante a batalha. Para pegar é preciso atravessá-los com o avião. Rifle de Infantaria A arma de combate direto, adicionada ao Battle Royale na atualização v7.40, recebeu novas variantes. No patch v8.40, o Rifle de Infantaria ganhou upgrades épicos e lendários que podem ser encontrados por todo o mapa. Eles aumentam sua capacidade de disparar rajadas certeiras. As novidades podem ser encontradas em saques de chão, baús, entregas de suprimentos e máquinas de vendas. Outras novidades e mudanças O Lança Granadas recebeu ajustes visuais para combinar com a temática de Páscoa e agora é "Lança Ovos". Os mascotes de Fortnite agora podem ser acariciados pelo jogador. O bônus de experiência de amigo do Passe de Batalha gera a mesma quantidade de XP que as partidas com esquadrões completos de amigos. O Modo Criativo recebeu o Dispositivo Explosivo, que facilita a destruição e demolição de estruturas neste modo, além de novas maneiras de personalizar a Tabela de Pontuação. Já o Modo Salve o Mundo ganhou novos personagens: Luna, a Lutadora Coelhinha; Ken, a Lebre Elegante e Jonesy, o Saqueador Coelho. Via Epic Games, TouchArcade
  15. Kingston e SanDisk são duas marcas que oferecem diversas opções de SSD para comprar no Brasil. O componente é interessante por ser mais rápido, silencioso e prometer desempenho até 20 vezes maior em relação ao HD tradicional. Apesar disso, esse tipo de armazenamento tem preços mais altos, e alguns modelos podem chegar a preços em torno de R$ 1 mil, o que dificulta a vida de usuários que desejam fazer um upgrade no PC sem gastar muito. Kingston A400 Modelo mais barato da Kingston, o A400 se destaca por ter um corpo feito de alumínio e resistente a impactos. O produto tem visual interessante e está disponível somente na cor cinza escuro, além de possuir uma grande variedade na capacidade interna. O modelo pode ser encontrado em versões de 120 GB, 240 GB e 480 GB. O SSD é compatível com computadores, notebooks e ultrabooks que tenham suporte a armazenamentos de 2,5 polegadas. O acessório também oferece ao consumidor uma taxa de leitura de 500 Mb/s, além de gravação a até 450 Mb/s. O componente traz a tradicional interface SATA III, que possui taxa de transferência de 6 Gb/s, sendo mais rápidaque a antecessora SATA II. No e-commerce, é possível encontrar a versão de 120 GB da A400 por a partir de R$ 120. As duas versões seguintes, de 240 e 480 GB, estão em torno de R$ 175 e R$ 354, respectivamente. Kingston UV400 Outro modelo da empresa americana é o SSD UV400. Com visual e características semelhantes ao A400, o acessório é encontrado na cor cinza claro e é um pouco mais potente. O UV400 conta com taxa de leitura de 520 Mb/s e gravação de 500 Mb/s, o que promete maior agilidade na máquina. Além disso, também oferece SATA III de interface. Dentro da faixa de preço de até R$ 500, o SSD é encontrado no varejo online nas versões de 120 e 240 GB. O modelo com capacidade menor custa a partir de R$ 129, enquanto a versão de 240 GB custa pelo menos R$ 279. Kingston UV500 No caso da linha UV500, a ideia foi aliar segurança e alta velocidade. Sendo assim, a taxa de transferência na versão de 120 GB de 2,5 polegadas é um pouco menor. O modelo lê dados a 520 MB/s e grava a 320 MB/s. No entanto, nas outras versões com capacidade maior a escrita de dados alcança ou supera a marca de 500 MB/s. A tecnologia de autocriptografia presente nos SSDs da linha UV500 aplica a proteção de dados diretamente no disco, sem a necessidade de software do computador. Isso dificulta ainda mais o acesso às informações armazenadas em caso de roubo do PC. O UV500 da Kingston está disponível nos formatos 2,5 polegadas, M.2 e mSATA. Nos buscadores de preço, a versão de 120 GB é encontrada por R$ 195, enquanto a de 240 GB de capacidade custa R$ 299. Sandisk Plus G25 Os principais modelos da SanDisk são os "Plus G". No caso do G25, versão mais antiga da empresa americana, a leitura de dados chega a até 520 Mb/s, enquanto a velocidade de gravação vai até 350 Mb/s, números mais baixos em relação às versões mais recentes. A Sandisk também segue o padrão atual dos SSDs com SATA III e taxa de transferência em 6 Gb/s. No comércio eletrônico, os dispositivos seguem o mesmo padrão em relação ao preço. A versão com 120 GB de espaço é encontrada por R$ 120, enquanto a de 480 GB custa cerca de R$ 380. SanDisk Plus G26 O Plus G26, por sua vez, chama atenção por trazer uma taxa de leitura de 535 Mb/s, maior que a do modelo anterior. A velocidade de gravação do acessório, por sua vez, é de aproximadamente 445 Mb/s, o que deve garantir maior agilidade na hora de instalar programas e transferir arquivos. No varejo, o preço do produto é parecido com o do Plus G25. A versão de menor capacidade custa R$ 120, enquanto a opção intermediária aparece por R$ 189. Já o modelo com 480 GB de espaço pode ser encontrado com valores a partir de R$ 340. Sandisk X400 Com um valor um pouco mais alto, o SSD X400 é uma das versões mais rápidas da marca. O dispositivo também conta com interface SATA III, além de oferecer velocidades de leitura a 540 Mb/s e de gravação até 520 Mb/s. Por conta dos números mais altos em relação aos concorrentes, o dispositivo é recomendado para usuários gamer ou que trabalham com programas mais pesados. Porém, um dos pontos negativos é que o modelo não tem tanta disponibilidade no mercado brasileiro em relação aos outros produtos da lista. A versão de 128 GB de capacidade pode ser encontrada no e-commerce por preços a partir de R$ 199, e outras opções passam facilmente dos R$ 500. Créditos ao Techtudo!
  16. São Paulo recebe a BLAST Pro Series entre os dias 22 e 23 de março de 2019 no Ginásio do Ibirapuera. A competição de Counter-Strike: Global Offensive, uma das mais revelantes do cenário competitivo internacional, tem prêmio total de U$ 250 Mil ( Cerca de R$ 941 mil em conversão direita ) e contará com a presença de seis equipes, entre elas o elenco brasileiro da MIBR e a dinamarquesa Astralis. Os ingressos para a BLAST Pro Series São Paulo 2019 estão esgotados, mas o campeonato será transmitido ao vivo na Twitch TV, YouTube e SporTV. Veja, a seguir, a programação do torneio, os times participantes, regras e calendário com os horários dos jogos. -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Times Além da MIBR e da Astralis, atual campeã da competição, os finlandeses da ENCE também estão confirmados entre os convidados. A organização europeia surpreendeu o mundo no começo da temporada e foi vice-campeã mundial. Se juntam a eles a FaZe Clan, Team Liquid e Ninjas in Pyjamasm totalizando seis participantes. Os brasileiros da Made in Brazil estão em busca do primeiro título desde a reunião da antiga line up da SK Gaming. Em 2019, Gabriel '' Fallen '' Toledo, Marcelo '' Coldzera '' David, Fernando '' Fer '' Alvarenga, Epitáico '' Taco '' de Melo e João ''felps '' Vasconcellos chegaram às semifinais do Major e realizaram ótima campanha na Polônia, mas amargaram eliminação inesperada na WESG World Finals. -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Regulamento A BLAST Pro Series São Paulo manterá as regras tradicionais do campeonato: cinco rodadas no formato pontos corridos (MD1) e grande final (MD3). As duas melhores equipes da primeira etapa são classificadas para a grande final. Confira abaixo a divisão de prêmios: 1º lugar – US$ 125 mil (R$ 476 mil); 2º lugar – US$ 50 mil (R$ 190 mil); 3º lugar – US$ 25 mil (R$ 95 mil); 4º lugar – US$ 15 mil (R$ 57 mil); 5º lugar – US$ 10 mil (R$ 38 mil); 6º lugar – US$ 5 mil (R$ 19 mil). -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- A MIBR disputará sua partida de estreia contra a ENCE. Em seguida, os brasileiros enfrentam FaZe Clan, Astralis, Team Liquid e, por último, Ninjas in Pyjamas. Veja, a seguir, o calendário completo da competição no horário oficial de Brasília. Sexta-feira (22/03) 19h – FaZe x NiP; 19h – MIBR x ENCE; 19h – Astralis x Liquid; 20h30 – Astralis x ENCE; 20h30 – FaZe x MIBR; 20h30 – NiP x Liquid. Sábado (23/03) 13h – Astralis x MIBR; 13h – Liquid x FaZe; 13h – ENCE x NiP; 14h20 – MIBR x Liquid; 14h20 – ENCE x FaZe; 14h20 – Astralis x NiP; 15h40 – ENCE x Liquid; 15h40 – MIBR x NiP; 15h40 – Astralis x FaZe; 18h – Final.
  17. Resident Evil 5 é uma das versões mais populares da série de horror da Capcom, e está comemorando 10 anos de seu lançamento oficial nos consoles e PCs. O tempo passou, mas o título protagonizado por Chris e Sheva continua em alta entre os fãs da franquia, e tem uma história recheada e interessante. Confira as principais curiosidades sobre Resident Evil 5: Polêmica com racismo Logo depois de ser lançado, Resident Evil 5 foi pivô de uma grande polêmica envolvendo os vilões do game e um possível caso de racismo por parte da Capcom. O problema é que ao invés de eliminar os tradicionais zumbis, marca registrada da série, Chris e Sheva enfrentam personagens negros infectados por um vírus. A Capcom tratou de minimizar o incidente, citando a protagonista Sheva e o agente Josh Stone, que têm papéis importantes na trama, e também são negros. Uma discussão similar também chegou a rodear a quarta versão de Resident Evil, que se passa na Espanha. Jogo mais vendido da franquia Lançado originalmente em março de 2009, o game é o mais vendido da história da franquia, com mais de 11 milhões de unidades separadas entre o PlayStation 3 e Xbox 360, além das versões por download. Os números ultrapassam outros títulos badalados da série, como Resident Evil 2, 4 e 7, versão mais recente da franquia de horror da Capcom, que já vendeu 6.1 milhões de cópias entre PlayStation 4, Xbox One e PC. Multiplayer de sofá Diferente dos títulos anteriores da série, Resident Evil 5 trouxe como grande novidade a possibilidade de curtir a sua campanha completa acompanhado de um amigo, controlando a personagem Sheva. O grande charme fica por conta do modo em tela dividida, que dispensa a necessidade de um segundo console ou conexão com a internet. Nos PCs o modo cooperativo chegou a enfrentar alguns problemas e ficar desabilitado, exigindo o uso de um mod para seu funcionamento, Felizmente isso foi corrigido, e hoje é possível jogar normalmente. Conteúdo reciclado em Resident Evil 6 Resident Evil 5 foi um grande sucesso entre os fãs da franquia, mas o mesmo não pode ser dito de RE6, que é considerado um dos piores da série principal da Capcom. Para piorar a situação, arquivos de conceito da versão beta de RE5 foram reaproveitados no seu sucessor, e flagrados pela comunidade de jogadores. Ruínas submersas, criaturas gigantes e até mesmo um chefe bastante similar ao visto na versão de testes de Resident Evil 5 foram parar no novo game, criando uma situação bastante constrangedora para os desenvolvedores. Ausência de Shinji Mikami Principal mente criativa por trás de Resident Evil, Shinji Mikami não fez parte da equipe de desenvolvimento de RE 5, o que ajuda a explicar as diferenças de estilo e caminhos seguidos no game em relação a seus antecessores. Em entrevistas, o diretor chegou a afirmar que não jogaria o novo game da série por não concordar com os rumos criativos tomados após sua saída da Capcom. Mais recentemente, Resident Evil 6 também foi alvo de críticas do desenvolvedor. Modo Mercenaries Retornando após o sucesso em Resident Evil 4, o modo Mercenaries garante diversão extra para os jogadores que já terminaram o game, e podem recrutar amigos (online ou offline) para jogar partidas onde o objetivo é conseguir muitos pontos. É possível escolher os personagens e regiões do mapa de cada jogo, e criar estratégias avançadas com rotas específicas para melhorar o seu desempenho. O modo está disponível para todas as versões e é um dos destaques do pacote. Trailer com zumbis Muito antes de seu lançamento, quando foi revelado pela primeira vez em 2005, Resident Evil 5 parecia um game completamente diferente. A mudança pode ser conferida no primeiro trailer do jogo, onde é possível ver cenas que pouco têm a ver com o game final. O que chama mais a atenção é a presença de zumbis, que se parecem bastante com os vistos em jogos mais antigos da série, e que ficaram completamente de fora do game de 2009. O protagonista Chris também parecia menos forte, lembrando suas versões mais tradicionais. Mod de personagem nua Resident Evil 5 também ficou marcado como o primeiro game da franquia a ter um Mod de nudez popularizado. A modificação ilegal deixava a personagem Sheeva completamente nua durante todo o jogo nas cenas de gameplay. Hoje em dia, já é quase uma "tradição" esse tipo modificação em jogos da franquia. Créditos: Techtudo
  18. Uma maneira de liberar espaço e deixar o computador mais rápido é fazer a limpeza de arquivos temporários e antigos updates do Windows 10 . O uso constante do PC e da Internet faz com que esses arquivos ocupem espaço no HD, afetando o desempenho geral da máquina. Com dicas simples das ferramentas de sistema, é possível melhorar a performance do PC ou notebook sem instalar programas de terceiros. Neste tutorial, aprenda cinco maneiras de liberar espaço no HD e desativar recursos que podem deixar o Windows 10 mais lento. As dicas podem ser adaptadas para outras versões do sistema da Microsoft. 1. Faça uma limpeza de disco Passo 1. Abra o Explorador de Arquivos no computador e, em seguida, clique com o botão direito do mouse sobre o disco rígido para acessar a opção "Propriedades"; Passo 2. Pressione a opção "Limpeza de Disco"; Passo 3. Para liberar espaço no disco, marque os arquivos que serão excluídos e inicie a limpeza apertando o botão "Ok". 2. Limpe os dados de navegação Para diminuir a quantidade de dados desnecessários no PC, abra o seu navegador de Internet (Chrome, Firefox, Opera, Edge) e aperte "Ctrl+Shift+Del" no teclado. Em "Avançado", marque as opções de histórico de navegação, histórico de download, imagens e arquivos armazenados em cache. Em seguida, pressione "Limpar dados" para realizar a limpeza do browser. 3. Limpe os arquivos do sistema Passo 1. Para limpar arquivos do sistema que estão ocupando espaço extra no PC, como cópias de atualizações do Windows Update, clique com o botão direito do mouse sobre o disco e acesse as "Propriedades"; Passo 2. Aperte o botão "Limpeza de Disco". Na nova janela, pressione a opção "Limpar arquivos do sistema"; Passo 3. Marque os arquivos que serão deletados e confirme a limpeza em "Ok". 4. Desabilite a hibernação A hibernação é um modo de economia de energia que salva os arquivos e programas usados no disco rígido, permitindo que o usuário desligue o PC e continue o seu trabalho depois do ponto em que parou. Apesar de útil, especialmente para notebooks, a função ocupa espaço no HD. Passo 1. Para desativar o modo de hibernação no Windows 10, abra o menu Iniciar e digite "cmd", sem as aspas. Em seguida, pressione a opção "Executar como administrador" para abrir o Prompt de Comando; Passo 2. No Prompt de Comando, digite "powercfg.exe /hibernate off" (sem aspas) e tecle "Enter" para desativar o modo de hibernação. Para reativá-lo, basta inserir o código "powercfg.exe /hibernate on" e apertar "Enter". 5. Personalize a lixeira Os arquivos enviados para a lixeira não são automaticamente apagados do computador. Eles permanecem lá, ocupando espaço no HD, até que o usuário esvazie a lixeira. Uma maneira de ter controle sobre esses arquivos é personalizando o quanto a lixeira pode usar do seu disco. Passo 1. Abra o Explorador de Arquivos e procure pelo ícone da Lixeira na coluna à esquerda. Clique com o botão direito do mouse na Lixeira e aperte a opções "Propriedades"; Passo 2. Em "Tamanho personalizado", digite o valor que quer usar. Por padrão, a Lixeira utiliza 5% do espaço de disco rígido C: e você pode expandir para 10%. A opção abaixo permite desabilitar a lixeira e configurar o PC para deletar automaticamente todo arquivo que for apagado pelo usuário. Créditos: TechTudo
  19. A Netflix anunciou nesta quinta-feira (14) que irá reajustar o preço do serviço de streaming de vídeos oferecido no Brasil. O aumento irá variar entre 10,05% e R$ 21,10%. São 3 planos no país, que a partir de agora terão os seguintes preços: Veja os novos preços do Netflix no Brasil Serviços Valor mensal Novo valor Reajuste Tela única e sem HD R$ 19,90 R$ 21,90 10,05% Duas telas simultâneas e conteúdo HD R$ 27,90 R$ 32,90 17,92% Quatro telas simultâneas e Ultra HD R$ 37,90 R$ 45,90 21,10% Fonte: Netflix É o primeiro aumento dos preços da Netflix no país desde 2017, quando a empresa mudou os preços dos planos Padrão e Premium, mas manteve os custos do plano básico. Antes disso, os preços do serviço passaram por mudanças em 2015 e também em 2013. "Mudamos nossos preços de tempos em tempos para continuar investindo no melhor do entretenimento, além de melhorar a experiência da Netflix para nossos membros no Brasil", disse a empresa em comunicado. Paralelamente, a empresa informou que também está reajustando os preços do serviço no México. Nos Estados Unidos, os preços já tinham sido elevados em janeiro, entre 13% e 18%. Lá, o plano mais popular aumentou de US$ 10,99 para US$ 12,99 por mês. Segundo a empresa divulgou em seu último balanço trimestral, a Netflix conseguiu 9 milhões de novos assinantes nos últimos 3 meses de 2018. Atualmente, são 139 milhões de assinantes do serviço de streaming no mundo todo. A empresa não divulga o número de assinantes no Brasil. Foram mais de US$ 8 bilhões investidos em conteúdo no ano passado. Fonte: Exame.




×