Zikagames - Início Ir para conteúdo
keyboard_arrow_down
account_circle Entrar

Entrar



  • Não recomendado para computadores públicos


  • Esqueceu sua senha?

person_add Cadastre-se

Wolfpack

Membro
  • Total de itens

    156
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    11

Wolfpack ganhou no último dia Julho 5

Wolfpack teve o conteúdo mais curtido!

thumbs_up_down 107 ZIKA II

Sobre Wolfpack

  • Rank
    Crisis on Infinite Earths
  • Data de Nascimento 09-03-1996

Informações pessoais

  • Gênero
    Masculino

Últimos Visitantes

461 visualizações
  1. Wolfpack

    HYPER BUNDLE - 3 Jogos por 99,99 Alguns jogos desse bundle: DARK SOULS III Tom Clancy’s Rainbow Six - SIEGE - Deluxe Edition Sid Meier’s Civilization VI Far Cry 5 Darkest Dungeon: Ancestral Edition DRAGON BALL FighterZ Tom Clancy's Ghost Recon - Wildlands Mafia III - Digital Deluxe Edition [Conteúdo Oculto] SUPER BUNDLE - 3 Jogos por 69,99 Alguns jogos desse bundle: Sid Meier's Civilization V: The Complete Edition Far Cry 4 - Gold Edition Grand Theft Auto V: Premium Online Edition The Witcher 3: Wild Hunt – Game of the Year Edition METAL GEAR SOLID V: The Definitive Experience BioShock: The Collection One Piece Pirate Warriors 3 - Gold Edition Tropico 5 – Complete Collection [Conteúdo Oculto] BUNDLE - 3 Jogos por 23,99 Alguns jogos desse bundle: RollerCoaster Tycoon World - Deluxe Edition Titan Souls Collector's Edition Batman Arkham City - Game of the Year Edition Lords of the Fallen GOTY Assassin's Creed: Brotherhood Hotline Miami 2: Wrong Number - Digital Special Edition Tales of Symphonia Resident Evil 5 [Conteúdo Oculto]
  2. Wolfpack

    Ação maluca e cooperativa na cozinha! Overcooked é um jogo caótico de cooperação na cozinha para um a quatro jogadores. Trabalhando em equipe, você e seus colegas chefes de cozinha precisam preparar, cozinhar e servir uma variedade de pedidos deliciosos antes que os clientes chatos saiam irritados. Afiem as facas e tirem o pó dos seus uniformes de chefes de cozinha, não tem lugar para erros nem do tamanho de um cogumelo, pois as "postas" são elevadas nestas cozinhas malucas! O Reino da Cebola está em perigo e só a cozinha mais refinada poderá salvá-lo! Em Overcooked, os jogadores se aventurarão por uma variedade de cozinhas cruéis e estranhas durante as missões para se tornarem master chefes capazes de conquistar um antigo mal comestível que devasta as terras. Jogue sozinho ou em um jogo clássico de cooperação caótico para até quatro jogadores nos modos cooperativo e competitivo. Vocês terão que preparar uma ampla gama de pratos e trabalhar em conjunto para se tornarem a melhor equipe e a mais eficiente! [Conteúdo Oculto]
  3. Apenas para o complemento/resumo do assunto: Vocês também podem dar o apoio de vocês votando no seguinte site: https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaomateria?id=132049&utm_source=Twitter&utm_medium=MidiasSociaisSenado
  4. Neste tópico, irei passar algumas dicas de como derrotar os dragões anciões (Elder Dragons), que fazem parte da história principal do jogo, pra tentar dar uma facilitada na vida de vocês; AJUSTE DE DIFICULDADE Antes de partir para os dragões, você precisa entender que, o jogo possui um ajuste de dificuldade dependendo da quantidade de jogadores na missão. Solo, os monstros tem a quantidade de vida e dano base. Se estiver em um grupo de 2 ou mais, a vida e dano do monstro é aumentada; Os Amigatos e as unidades atacaudas não são considerados players; Se possível, sempre tente ir nessas missões com um grupo de confiança, ou torcer para que quando você dispare o sinal SOS, apareçam caçadores mais experientes, pois tem horas que o cooperativo mais atrapalha do que ajuda, já que todos os desmaios (mortes) são contabilizados pro grupo inteiro; DICAS GERAIS Caso seja a primeira vez que você está enfrentando um dragão ancião, dê preferência a builds focadas nas resistências e defesa do personagem, pois é bem capaz de você não conseguir mata-los de primeira, então vá para adquirir informações sobre o monstro; Além das poções, tem dois itens essenciais que você não pode deixar de carregar, a nulafruta e os lampejinsetos, principalmente o segundo, já que ele pode te salvar de um golpe fatal, então esteja carregado do mesmo, junto com os materiais para o craft; Quando estão fracos, os dragões anciões voltam aos seus ninhos para dormir e recuperar um pouco da vida. Se possível, evite que eles façam isso, pois a batalha no ninho dos monstros é infernal, já que eles tiram proveito do ambiente para te prejudicar. Essa dica se aplica, principalmente, ao Teostra e o Kushala. Explicarei melhor quando estiver falando de cada dragão ancião; É desnecessário carregar bombas sedativas e armadilhas na sua mochila, já que todos os dragões anciões são imunes a armadilhas e não podem ser capturados. Troque-os por Megabombas de Barris e materiais para o craft, pois o jogo tem um sistema de dano extra quando o monstro está dormindo. O primeiro hit por uma arma branca ou de longa distância causará o dobro de dano e o triplo, caso seja por algum item ou objeto do cenário; Não esqueçam de levarem os mantos que poderão lhe ajudar nessas batalhas. Você pode liberar os mesmos completando missões opcionais. No início, você só tem slot para um manto, mas ao matar o chefe final do jogo, você libera espaço para mais um; KIRIN Utilize uma build que dê bastante proteção contra raio, deixe-o imune a paralisia e a debuff, pois 90% dos ataques do Kirin são baseados em raio; O debuff deixa você mais suscetível a atordoamento com qualquer golpe que o atingir. A paralisia imobiliza você por MUITO tempo, abrindo brecha fácil para um golpe fatal; Na minha opinião, ele tá entre os dragões mais chatos de se matar, já que é pequeno comparado aos outros e só tem um ponto fraco. Além disso, ele é rápido e se movimenta bastante pelo mapa, o que torna difícil explorar o ponto fraco com uma arma de curta distância; Em certo momento da batalha, ele energizará seu corpo com um raio, isso irá deixa-lo imune a maioria dos golpes de armas cortante e algumas munições, fazendo os mesmos defletirem. Somente a cabeça dele não recebe esse efeito de imunidade e deflexão; Antes de dar o primeiro hit para começar a batalha, espere ele chegar em uma área mais fechada ou com menos espaço, pois isso limitará um pouco a movimentação do monstro pelo cenário; Dependendo da arma que for utilizar, é melhor enfrenta-lo solo. Isso evitará dele ficar correndo atrás de outros jogadores e você tendo que perseguir para conseguir acertá-lo; NERGIGANTE Para causar um dano considerável, você precisa acertar os espinhos brancos de seu corpo. Caso você acerte os espinhos que já cresceram e ficaram negros, o seu ataque é defletido; Seu golpe mais poderoso é a Dive Bomb. Quando a maior parte dos seus espinhos cresceram por completo, ele solta um rugido, voa e mergulha em direção ao seu personagem, semelhante a um meteoro. Dependendo da quantidade de defesa e vida que você possui, é capaz de ser hitkill. Após esse golpe, ele perde todos os espinhos para regenerar novamente, então fica fácil de você causar dano após o ataque; É possível evitar a Dive Bomb, utilizando um lampejinseto no momento que ele voa para atacar, todavia o tempo para isso é muito curto, fora que você vai sofrer para causar dano, já que ele ainda vai continuar com os espinhos negros no corpo; Outra alternativa é você guardar a arma e executar o salto da fé, mantendo o botão de corrida pressionado e apertar o botão de esquiva. Isso fará o personagem pular no chão, deixando-o imune a qualquer ataque enquanto ainda estiver nessa animação; Você pode optar por defender o ataque, mas somente com a “Joia de Defesa” equipada, que permite o bloqueio de ataques indefensáveis, caso contrário utilize alguma das opções acima; Utilize armas que tem capacidade de ignorar essa deflexão, ou redução de dano em determinadas partes dos monstros. Alguns exemplos são a Lâmina Dínamo (com a espada energizada), Transmachado (no modo espada) e os Fuzilarcos Leve ou Pesado com munição pegajosa e fragmentada; TEOSTRA Dentre os que vou falar neste tópico, na minha opinião, ele é o mais complicado; Vá com uma build que te deixe imune a atordoamento, pois assim como o Diablos, com poucos hits esse dragão é capaz de te atordoar facilmente. Ficar vulnerável nessa batalha é pedir para morrer; Fique atento na sua barra de vida, pois ficar muito tempo próximo ao dragão irá consumir essa barra lentamente, devido ao fogo que emana de seu corpo. Caso consiga deixar a sua resistência a fogo maior que 25 pontos, você fica imune ao debuff de fogo, todavia os golpes de fogo do monstro ainda causam danos. Se um golpe desses te deixar em chamas, basta rolar/esquivar 3 vezes que o fogo é apagado (o mesmo se aplica ao debuff de explosivos); O seu ataque mais perigoso é a Supernova, golpe esse que ele começará a energizar o corpo e em seguida liberando tudo em uma grande explosão. O raio de alcance é grande, então se perceber que não conseguirá fugir, dispare um lampejinseto. Isso fará ele cair, cancelando o ataque; É possível evitar esse golpe com o salto da fé ou bloqueando com o escudo (somente se estiver equipado com o adorno de aumento de defesa), mas caso esteja jogando com outros players, opte pelo lampejinseto, pois você não salva apenas você, mas todo o time; O seu ninho é cercado por lava e, ocasionalmente, você pode ser atingido por uma mini erupção que ocorre no meio do cenário. Além disso, o acúmulo de fogo no corpo do Teostra acontece mais rápido, deixando-o com mais chances de executar a Supernova; KUSHALA DAORA O grande dragão de aço, capaz de criar tornados e rajadas de ventos fortíssimos apenas com o bater de suas asas; Se não quiser passar raiva com esse dragão, vá com uma build que dê resistência a pressão de vento, tampões ou ambos, pois assim como o Teostra, ficar muito tempo próximo desse monstro tem um efeito negativo no seu personagem. A pressão de vento deixará o personagem vulnerável por, aproximadamente, 2 segundos; Caso não queira abrir mão de sua build, você pode optar por equipar o amigato com a Orquestra Coralina no nível máximo. Durante a batalha, ele começará a buffar o seu personagem com algumas resistências que pode ou não incluir a pressão de vento, já que não tem como você escolher; Uma arma boa contra o Kushala Daora é o Hunting Horn, pois além de conseguir se buffar, você consegue atordoa-lo com facilidade caso foque apenas em sua cabeça. Outro ponto positivo é o buff de evitar a deflexão de ataque; Leve muitos Lampejinsetos e materiais para o craft do mesmo, pois nessa luta ele é essencial, já que o Kushala fica no ar por bastante tempo, o que impossibilita que você o acerte; NÃO O DEIXE VOLTAR PARA O NINHO! Quando você perceber que ele vai voar para outro local, dispare um flashpod para que ele caia. Às vezes o seu destino pode não ser o ninho, mas é melhor prevenir do que remediar; Se for inevitável a sua ida ao ninho, não deixe que ele fique spammando tornado, pois isso irá cobrir todo o campo de batalha, dificultando e muito a missão; VAAL HAZAK Na minha opinião, é o dragão mais fácil de abater, porém tem possibilidade de você morrer do nada sem saber o motivo; Vá com uma build que te deixe imune ao eflúvio, mas caso isso não seja possível, fique de olho na sua barra de vida durante a batalha, pois ficar muito tempo próximo ao Vaal Hazak irá sugar a sua vida lentamente. A imunidade não te deixa livre do dano constante, mas sim ao debuff que ele causa. O que esse debuff faz? Simplesmente, corta a sua barra de vida deixando-a mínima. Coma uma nulafruta para retirar o debuff; Ele não é perigoso por seu dano ser muito alto ou coisa do tipo, mas sim pelo ambiente que ele gera, fazendo o mesmo sugar a sua vida lentamente, então fique atento sempre na sua barra de vida; Dá para amenizar esses problemas com um aumento de regeneração de vida na sua arma, todavia é um upgrade possível apenas no HR50+; Zorah Magdaros Na minha opinião, a batalha mais chata desse jogo. Não é porque o monstro é difícil ou coisa do tipo, mas porque a batalha é monótona e demora demais; Seu objetivo nessa batalha é destruir os núcleos do Zorah Magdaros e em seguida, finalizar disparando com canhões contra ele; Chegará um momento da batalha que aparecerá o Nergigante para atrapalhar, mas pode ignorá-lo, pois é scriptado para ele fugir depois de um tempo mesmo sem você bater nele. Aproveite esse tempo para minerar algumas rochas/fragmentos que você encontrar no mapa; OBS: Na versão Archtempered, você precisa fazer exatamente o contrário, destruir os núcleos e espantar o Nergigante o mais rápido possível, pois o tempo de conclusão da missão é extremamente curto; ARMADURAS DOS DRAGÕES E HABILIDADES As armaduras dos dragões dão boas skills para o seu personagem, mas nada que seja muito significante. As armaduras Gamma γ que são ótimas, entretanto só podem ser adquiridas completando missões que, eventualmente, aparecem no jogo; Fique de olho no site do jogo para saber quando chegará o evento de caça dos monstros para a obtenção dessas armaduras; Lembrando que os monstros dessas missões são os temíveis Arquiaguerridos (Arch Tempered), versões essas MUITO mais overpower que a base ou aguerrida (Tempered); KIRIN NERGIGANTE TEOSTRA KUSHALA DAORA VAAL HAZAK ZORAH MAGDAROS BUILDS UTILIZADAS NOS VÍDEOS KIRIN NERGIGANTE TEOSTRA KUSHALA DAORA VAAL HAZAK CONTEÚDOS RELACIONADOS Monster Hunter: World - Novo Mundo e Astera Monster Hunter: World - Dicas HAPPY HUNTING! Créditos: @Hentai(Texto, Imagens, Formatação, Vídeos).
  5. Wolfpack

    Esse Show Tava Bruto.mp4
  6. Wolfpack

    É pra ficar feliz ou triste por ter nascido nesse dia? Feliz por ter nascido em uma data festiva e importante. Triste porque vai receber só um presente ou comemoração que conta pros dois. Enfim...9 de Março.
  7. Wolfpack

    Exemplos de jogos que estão em promoção: [Conteúdo Oculto] Conteúdos Relacionados https://zikagames.com/topic/3736-bundle-do-agasalho-6-jogos-brasileiros/
  8. Wolfpack

    Créditos totais a Luísa Barwinski do Tectudo O compartilhamento livre de arquivos na internet sempre rendeu discussões acaloradas em várias esferas do mundo globalizado. O ponto de vista legal dessa troca de arquivos já rendeu processos judiciais, multas, indenizações e até mesmo suspensão da conexão de alguns usuários pelo mundo afora. Alguns países até já tomaram medidas extremamente drásticas em relação ao torrent e suas variantes. A França e a Suécia são exemplos bastante claros disso. Os administradores do site The Pirate Bay enfrentaram em 2009 uma batalha pela democratização da troca de conteúdos nos tribunais. Porém, as alegações do lado acusador foram extremamente mais poderosas. Isso porque do lado adversário estavam donos de gravadoras, estúdios cinematográficos e outras entidades protegidas pelas leis de direito autoral. Assim, Frederik Neij, Gottfrid Svartholm Warg, Peter Sunde e Carl Lundström foram condenados a pagar 2,7 milhões de euros em indenizações pela perda dos royalties das maiores empresas de entretenimento e música do mundo, entre elas Sony, Warner, EMI, Columbia Pictures e outras. Mas o que esses rapazes fizeram de tão grave? Ou melhor, por que os torrents se tornaram os principais inimigos dos direitos autorais? Isso está ligado a uma série de conceitos e termos que definem melhor o que é este tipo de arquivo e quais são as técnicas de difusão dos arquivos de origens extremamente difusas. Pois bem, como quase tudo no mundo, os torrents começam com uma semente. Sim, uma semente, isto é, um “seeder”. Semeador, em bom português. O processo de compartilhamento de arquivos é iniciado por um usuário que envia um arquivo de extensão .torrent em um site da internet, como o The Pirate Bay, por exemplo. Feito isso, todos os usuários que tiverem interesse naquele conteúdo devem fazer o download. Até aí tudo bem, conhecemos uma estrutura bastante parecida com esta – o P2P. A sigla significa peer-to-peer, ou seja, par a par, que designa a comunicação unilateral entre o usuário e o servidor. Desta maneira, forma-se a conexão entre eles. Assim, tem-se uma estrutura binária de compartilhamento de arquivos – um servidor e um usuário. O seeder das mudanças A diferença do torrent para o P2P tradicional é que ele liberta o usuário da sua atuação passiva nesta troca de arquivos. A forma de envio e download de arquivos em torrent segue uma estrutura completamente diferente do que estávamos habituados até o ano de 2003, quando os primeiros compartilhamentos deste tipo começaram a surgir. Esta rede permite que o usuário torne-se ativo e também um seeder, ou seja, ele também detém o poder de enviar os arquivos, assim como o era o papel do servidor no P2P clássico. A diferença do torrent para o P2P tradicional é que ele liberta o usuário da sua atuação passiva nesta troca de arquivos. A forma de envio e download de arquivos em torrent segue uma estrutura completamente diferente do que estávamos habituados até o ano de 2003, quando os primeiros compartilhamentos deste tipo começaram a surgir. Esta rede permite que o usuário torne-se ativo e também um seeder, ou seja, ele também detém o poder de enviar os arquivos, assim como o era o papel do servidor no P2P clássico. As comparações com o modelo “mão única” de compartilhamento de dados não ficam por aí. Os seeders recebem esta denominação justamente pela função que desempenham nesta rede. Como os arquivos são partidos em partes menores de 256 kilobytes (em geral), o processo de download fica cada vez mais veloz por que cada um dos semeadores possui um pedaço distribuído em ordem aleatória. Portanto, quanto mais seeders para um torrent, mais rápido será o descarregamento do arquivo como um todo no seu computador. Assim, não existem as temidas e demoradas filas de espera que tanto assustavam os usuários de sistemas como o SoulSeek e outros do gênero. Ao somar tudo isso, pode-se concluir que desta maneira dificilmente haverá sobrecarga. Afinal, quanto mais gente, melhor. Quando um download termina e os fragmentos do arquivo foram unidos automaticamente, o usuário tem a opção de tornar-se um seeder também. Basta que ele permita a continuidade do upload iniciado logo depois do término do download. Assim, aquele arquivo terá uma boa rotatividade e estará disponível sempre que alguém precisar dele. Ao observar a rede de troca de documentos via torrent, nota-se que há um lado bastante “social”. Algo como uma política de boa vizinhança; se eu já fui ajudado, ajudarei o outro. Aí se tem o início da relação seeder-leecher. Os semeadores e as Sanguessugas Enquanto se baixa um torrent, se assume o papel de leecher (sanguessuga), aquele que aproveita. Porém, este é um papel um tanto ambíguo. Enquanto você baixa, pode também se tornar um seeder, pois partes do arquivo já terão sido concluídas e já vieram para o seu computador e automaticamente se tornam disponíveis para outros leechers interessados neste arquivo. Portanto, você pode ter papéis únicos (seeder ou leecher) ou então optar pelos dois simultaneamente. Trackers Entretanto, a comunicação entre estes dois (ou mais) computadores precisa ser mediada por um servidor. Neste caso específico, o servidor se chama tracker. Ao contrário do que muitos podem pensar, este servidor não é como os outros. Os trackers não armazenam nenhum dos arquivos compartilhados via torrent. “Então para que eles servem?” – simples, estes servidores têm a função de conectar os usuários para que estes possam executar seus papéis de seeder ou leecher. Porém, esta ligação tripla (peer1 – tracker – peer2) não é tão duradoura. Assim que o download é iniciado, a conexão passa a ser direta, ou seja, peer to peer (peer 2 peer, logo, P2P). Entretanto, não se deve confundir tracker com indexer. Os indexers de torrent funcionam como listas de arquivos e não como servidores. Apesar de indicar o caminho entre o peer1 até o peer2, as listas não executam a função de servidor (tracker), que é facilitar a comunicação entre os seeders e os leechers. Estes servidores também estão disponíveis para consulta de listas, caso seja do interesse do usuário consultá-las no próprio site do servidor. Porém, isso não fará dele um indexer para que deixe de ser um tracker. Ainda sobre servidores, existem aqueles que exigem que o usuário que em um primeiro momento foi um leecher, seja seeder também. Vale lembrar que não são todos que usam desta prática. Por isso, é importante pesquisar a respeito do servidor. Hashs (MD5) Estes hashs que confundem com tantos números e letras em uma ordem estranha têm uma razão de ser. Sempre que você termina de fazer o download de um pedaço do arquivo, o seu cliente torrent vai criptografá-lo, ou seja, fazer o hash. Isso é feito para que você tenha garantias de que não vai fazer o download de algo que não ordenou. Assim, o seu torrent é transformado em uma sequência alfanumérica de 128 bits muito semelhante ao exemplo abaixo: 9e107d9d372bb6826bd81d3542a419d6 As sequências são produzidas através do algoritmo MD5, ou seja, o modelo de criptografia unidirecional que não permite o retorno à frase (string) que lhe deu origem. Esse formato é muito comum em trocas do tipo P2P e até mesmo em verificações de login e outras formas de uso. Tudo isso serve para garantir que você não está baixando algo corrompido e que existe preocupação com a segurança nos downloads e uploads. DHT (Distributed Hash Table) As DHTs, ou seja, as tabelas de hash distribuído, são uma das peças-chave na hora de fazer downloads de arquivos torrent. Elas são uma espécie de sistema distribuído descentralizado que trabalha com pares de informações. As chaves e os valores são armazenados nesta tabela e, assim, qualquer nó – normalmente os leechers – é capaz de recuperar esse valor associado a uma chave para fazer o download de blocos de um arquivo maior. As DHTs ficam guardadas nos trackers. Por isso, quando você for procurar por um arquivo, a tabela deverá estar bem arquivada e atualizada para gerar o mínimo de desordem. O surgimento das DHTs estão intrinsecamente ligados ao nascimento das redes P2P e aos sistemas como o Gnutella, Napster e o Freenet. Além de serem eficientes, as tabelas são bastante maleáveis, permitindo a adaptação ao sistema no qual ela é utilizada. No Napster, por exemplo, a adição dos dados aconteciam no momento em que o usuário fazia o seu cadastro. A partir deste ponto, as informações de arquivos a serem compartilhados no computador seriam armazenadas no servidor. Os hashs são pontos cruciais neste caso, porque são os meios de mapeamento das chaves para os nós desta rede. São essas DHTs que promovem o encontro entre o seeder e o arquivo que ele quer baixar. PEX (Peer Exchange) O Peer Exchange é um dos pontos de destaque da relação usuário-tracker, já que permite que esta aconteça de uma forma diferenciada. O grande trunfo do PEX é o fato de ele permitir que um indivíduo pertencente à swarm (algo como um “enxame”) possa trocar informações sobre o próprio grupo diretamente, sem que seja necessário pedir a autorização do tracker. A vantagem desta função é justamente poupar este servidor de algumas tarefas. Assim, percebe-se que existe autonomia na hora de encontrar arquivos via torrent. Porém, ao contrário do que pode vir à mente com este conceito, os Peer Exchange não podem inserir um novo indivíduo no swarm independentemente. Para incluir novos peers é preciso que eles procurem pelo arquivo e sua hash. Assim, as tabelas DHT encontram o requerimento e assim o processo é iniciado. Para a maioria dos usuários de torrent, o PEX e as tabelas DHT são ativados logo que um download começar. Por isso, não há necessidade de preocupação com processos manuais – tudo acontece automaticamente. Ratio Como foi comentado acima, alguns trackers têm regras que exigem que seus leechers também sejam seeders frequentes. Isso é medido pelo ratio, também chamado de ratio credit. O processo pode ser tratado como um tipo de moeda de troca; você só baixa, se permitir que outros baixem. Esse é o incentivo ao compartilhamento de arquivos que deve ser feito para que aquele torrent seja encontrado por quem estiver precisando no momento. Normalmente, os usuários com uma boa capacidade de armazenamento nos seus discos rígidos também trabalham com uma taxa de conexão bastante elevada. Passkey Normalmente, servidores que usam a prática do ratio também pedem passkeys. Trata-se de algo muito comum entre trackers privados, que exigem o registro dos seus usuários. Caso você não tenha feito o seu cadastro em um destes, não será possível baixar o torrent. Isso se faz necessário porque o servidor privado trabalha apenas com IPs registrados. Então, se você não possui cadastro nestes sites, não adianta tentar baixar por ali. Procure outra fonte. Agora que você já conhece alguns termos importantes a respeito dos torrents, é importante salientar outros pontos. Veja abaixo alguns procedimentos e ações indispensáveis para colecionar boas experiências com seus downloads. Clientes Sem eles é impossível fazer o download de torrents. Você pode até baixar o arquivo .torrent que vai redirecioná-lo ao arquivo original. Porém, se não houver um cliente como o BitTorrent, BitComet, µTorrent, Vuze e outros, não é possível dar continuidade ao processo. Estes programas têm interfaces bem divididas e podem organizar muito bem os seus torrents entre aqueles que ainda estão sendo baixados, os que já foram concluídos e os outros dos quais você se tornou um seeder. O µTorrent é um dos programas mais utilizados para o download destes arquivos justamente por consumir poucos recursos do computador e ainda ser compatível com o protocolo BitTorrent. Um fato curioso sobre o BitTorrent é um dos easter eggs que podem ser encontrados ao clicar em “Help” (Ajuda) e em seguida em “About µTorrent”. Quando a janela estiver aberta, pressione a tecla “T” no seu teclado. Isso faz com que um jogo no estilo Tetris seja aberto. Ele se chama µTris. Ele também permite fazer limitações e outros tipos de controle de taxas de transferência para não deixar o seu computador e a sua internet lentos. Existem, também, os clientes que trabalham com o sistema de broadcatching. Este sistema é muito simples e, se você já assinou algum RSS Feed na sua vida, vai entender muito bem do que se trata. Quando alguém faz a assinatura de um Feed, diz, automaticamente, que está disposto a receber os conteúdos daquele site ou blog. Porém, ao assinar um RSS Feed de uma lista de torrent, você recebe os arquivos, sempre que forem atualizados. Onde encontrar os Torrents? Apesar de os últimos dias estarem parecendo uma caça às bruxas, ou melhor, caça aos sites de torrent, você poderá encontrar bons downloads se procurar bem. Depois dos processos judiciais que derrubaram o serviço de buscas por torrents do Mininova e do The Pirate Bay, alguns usuários se viram um tanto confusos, sem saber o que fazer para conseguir seus arquivos. Porém, a decisão foi decretada pela justiça holandesa e, se os sites descumprissem o determinado, pagariam multas exorbitantes. Ainda assim, ambos afirmam que é impossível trabalhar com um filtro 100% capaz de inibir a localização de torrents. Um ótimo site para encontrar os torrents é: Torrent Finder Como faço para baixar? Baixar torrents é muito mais fácil do que você imagina. Depois de ter acessado os sites listados acima, você deve escolher um arquivo. Baixe-o de acordo com os seguintes padrões: número alto de seeders, número menor de leechers e claro, o tamanho do arquivo final a ser baixado. Lembre-se de que o arquivo .torrent não é o arquivo final que você procura. Depois, abra o arquivo . torrent no seu cliente (µTorrent, Vuze, BitTorrent e outros). O programa pergunta qual o local em que você quer salvar o seu torrent; determine-o e aguarde o download terminar. Depois, se você quiser – ou o servidor assim exigir – pode se tornar um seeder daquele arquivo que você baixou. Lembre-se: para ser um semeador de torrents, basta deixar o seu cliente aberto e o upload ativo. Mas se muitos deles estiverem enviando para outros leechers, a sua velocidade de internet começa a cair e em alguns casos, pode-se encontrar a lentidão no computador, já que muitos processos de envio de arquivo estarão abertos. Não se desespere: existe salvação! Aprenda a limitar uploads Uma das maiores queixas quanto ao upload de torrents, e assim tornar-se um seeder, é o fato de permitir que os usuários baixem o bloco de arquivo que você tem e por isso sofrer com a lentidão tanto do computador quanto da internet. Isso porque se não houver a limitação da taxa de upload, o arquivo vai ser transferido com toda a velocidade que a sua banda permite. E isso faz com que a rapidez da sua internet seja drasticamente reduzida. Para impor limites à taxa de transferência, clique com o botão direito sobre o ícone da Barra de Tarefas do seu Windows e pouse o cursor do mouse sobre a opção “Limite de Upload”. Um menu de opções de taxa de upload aparece ao lado do primeiro menu. Clique sobre a velocidade que você achar adequada. Pronto. Os uploads já estão limitados! Lembramos que este procedimento é válido para o µTorrent. Então baixar torrent é crime? Com esta pergunta acabamos de entrar em um terreno bastante delicado. Baixar torrents pode ou não ser um crime. Tudo depende exatamente do que você está baixando. Se por um acaso você decidiu fazer o download de um álbum cujos direitos o artista tornou livres, não há o menor problema em compartilhar esses arquivos de música. Entretanto, não é exatamente isso que vemos no cenário fonográfico e de entretenimento. Existe muita confusão nesse meio justamente pela existência de dois termos cruciais para o entendimento do que são os direitos autorais e seus derivados. O Direito de Uso e o Direito de Distribuição são conflitantes, especialmente na internet. Um exemplo bastante claro são os CDs e DVDs. Quando você compra um CD ou um DVD de um filme ou show, tem garantidos os seus direitos de uso daquela obra. Entretanto, isso não lhe confere o direito de distribuição dessas mídias. Isso significa que você não pode exibi-lo em locais públicos ou passá-los adiante. Entenda este “passar a diante” a distribuição através de arquivos compartilháveis pela internet. Portanto, crucificar torrents não é a melhor saída para dar um basta na pirataria. Estes tipos de arquivo são apenas os meios de compartilhar conteúdos e não barcos piratas. O problema está nos direitos dos materiais distribuídos através dos torrents. A grande prova de que os torrents e as redes P2P podem ser coisas positivas: muitos artistas usam estas mesmas redes para distribuir livremente as suas músicas, livros e outros tipos de conteúdo de entretenimento. Esta tecnologia de troca de arquivos também tem grande aceitação no exterior para a distribuição de softwares livres, e uma grande variedade de formas de entretenimento gratuito produzido e liberado pelos próprios autores. Pode-se dizer que o maior empecilho para que os torrents sejam vistos como algo positivo é a própria instituição dos conteúdos livres, que batem de frente com as questões de produtos midiáticos comercializados pelas grandes empresas. Atualmente, a quantidade de mídias compartilháveis ainda não são expressivas o suficiente para causar uma “inversão” no jeito de vender cultura e entretenimento. Quem sabe, em um futuro não tão distante, a noção de que filmes, livros, álbuns e tantos outros são patrimônios de todo o mundo não consiga trazer ao menos os preços mais acessíveis. Afinal, a cultura e os meios de diversão e lazer são um direito de todos. Entretanto, os autores das obras também têm seus méritos, já que não se trata de um trabalho tão simples. Compor músicas, dirigir filmes ou escrever livros são tarefas árduas e que exigem muito esforço e conhecimento de quem as produz. O mesmo é válido para os softwares que as empresas desenvolvem. Por isso, ainda temos muito terreno para discussão e descobertas neste assunto tão delicado que trata dos direitos autorais. Contudo, não se deve esquecer que a internet é um meio bastante democrático e permite os mais diversos tipos de comunicação e trocas de informação. E como tal, sempre estará um passo a frente da legislação. Muitos autores e pesquisadores do assunto dizem que a tecnologia sempre vai ter influências e fornecer os meios dos quais os piratas se aproveitam para disseminar as cópias de conteúdos legalizados. Como já é sabido, a tecnologia não é desenvolvida para o crime. É tudo uma questão de como a utilizamos e para que fins. O CD não foi inventado para gravar álbuns piratas; os DVDs não chegaram ao consumidor para comportar filmes, jogos e outros arquivos protegidos por lei. Portanto, o suporte que os torrents oferecem também não foi desenvolvido com a intenção de piratear seja lá qual for o conteúdo. Entretanto, as pessoas que viram esta função em todas essas plataformas tornaram seu uso ilegal e podem ser responsáveis pela origem do preconceito que se formou sobre esses tipos de compartilhamento. Agora que você já está instruído sobre esses aspectos técnicos e legais a respeito do download de torrents é importante ressaltar mais um ponto. Não pense que a internet proverá a “capa de invisibilidade” que tantos vestem por aí. As autoridades responsáveis pelo rastreamento de atos criminosos na web podem rastrear seu IP e descobrir que tipo de material foi baixado. Portanto, existem riscos sim. Mas, se você não quer entrar para os grupos de risco destes downloads de materiais protegidos por copyright, verifique se existe alguma menção sobre esta polícia de legalidade. Formatação: @Hentai
  9. Wolfpack

    6 Jogos Brasileiros por R$ 19,99 [Conteúdo Oculto]
  10. Wolfpack

    Kabounce™ é um jogo de pinball rápido e multijogador no qual você controla a bola. Quique e gire sua bola para alcançar velocidades incríveis ou lance a si mesmo ao ar para fazer manobras aéreas e surpreender seus oponentes com um ataque de cima! [Conteúdo Oculto]
  11. Adianto falando que essas dicas que estarei passando são todas baseadas na minha experiência e tempo que tenho com esse jogo, então pode ter muitas coisas que eu ainda não descobri. Fiquem à vontade para complementar e eu estar editando o tópico com as dicas de vocês; MONTARIA O tutorial do jogo ensina que quando você monta no monstro você deve ficar espancando e segurar quando ele começar a se debater pra te derrubar. O grande problema é que isso gasta muito tempo e não é tão eficiente. Pra evitar isso e continuar batendo no bicho, basta você mudar de posição com o direcional. Você perde um pouco de estamina, mas é algo mínimo comparado ao que você perderia caso não se segurasse e continuasse no mesmo lugar, ainda mais com chances de cair. Lembrando que quando sua estamina esgota você é derrubado automaticamente; Preste atenção no mapa e na movimentação do monstro enquanto estiver sobre ele. Quando ele começar a se debater e a coloração da borda do mapa mudar pra laranja/amarelo é sinal que ele está prestes a fazer um movimento que irá te derrubar, e é nessa hora que você precisa se segurar ou mudar de posição; Outra dica é, NUNCA use lampejinseto (flashpods) enquanto algum companheiro estiver montado em serpes aladas (Flying Wyverns) (Rathalos, Paolumu, Rathian, Legiana, etc.), ou qualquer outro monstro voador. Sim, isso fará o monstro cair, todavia, o tempo que ele permanecerá caído no chão é MUITO menor do que se alguém derrubasse ele com a montaria; ATIRADEIRA Aproveitando o assunto sobre os lampejintos, sempre esteja carregado deles na sua bolsa, é um dos recursos mais úteis que você pode estar utilizando, tanto pra defesa caso o monstro comece a combar você, quanto pra ataque deixando o bicho atordoado por alguns segundos. Ressaltando que alguns monstros não ficam parados quando estão atordoados com esse recurso, eles apenas golpeiam sem ter um alvo; Fique carregado também de capsulas de esterco, pois há momentos em que pode ocorrer guerra de território entre os monstros, ou simplesmente aparecer um pra querer atrapalhar a missão (vulgo Bazelgeuse). As guerras de territórios são benéficas, pois retiram uma quantidade razoável de vida dos monstros, porém, nem todos os monstros brigam por territórios e só aparecem mesmo pra atrapalhar, então é só tacar merda que ele corre; Em alguns ambientes você pode encontrar munição pra sua atiradeira, munição de fogo, água, musgos que você pode atirar nas paredes pra iluminar o ambiente, entre outros. Faça bom uso deles, pois alguns monstros possuem mecânicas que podem ser utilizadas contra eles; Um exemplo é o Lavasioth que tem a pele coberta em magma e fica endurecida depois de um tempo que sai da lava. O momento que ele fica mais vulnerável é quando ele recém sai da lava, já que a sua pele ainda está mole, porém, é um tempo muito curto e quando endurece ele fica quase imune aos ataques de armas cortantes e munições de fuzilarco (com exceção das munições pegajosas que tem efeito explosivo). A solução está na munição tocha da sua atiradeira, que fará a pele dele se aquecer e ficar vulnerável novamente; AMBIENTE Os ambientes também podem ser utilizados como armas, seja tacando algo com a atiradeira em estalactites pra desabar no monstro, ou então atrair ele pra um solo na qual ficará preso. Exemplos disso estão no ninho onde o Anjanath descansa, nos Planaltos Coralinos onde vivem os Shamos, no ninho do Rathalos e Rathian na Floresta Ancestral (Fique próximo a parede da barragem e espere um deles soltar uma bola de fogo ou então coloque uma bomba de barril, isso romperá a barreira que derrubará os monstros no “térreo” da floresta), no deserto do Ermo Selvagulha acima do campo de batalha contra o Diablos, na Fenda do Ancião no campo de cristais/ninho do Dodogama, onde é notável dois cristais que ao serem atingidos por algo desabam, e na parte vulcânica do mesmo mapa. Na batalha contra o boss final (Xenojiiva) também existem esses cristais; Os ambientes não são prejudiciais apenas aos monstros, mas a você também. O eflúvio que exala do Vale Putrefato e o calor da área vulcânica da Fenda do Ancião são chatos pro seu personagem, já que isso vai acabando lentamente com a sua barra de vida. A solução, respectivamente, é você tacar uma munição tocha com a sua atiradeira no chão, isso irá retirar o efeito do eflúvio em um determinado raio de alcance enquanto a tocha estiver queimando. Outro é buffar o seu personagem com uma bebida gelada (bebida provida do Cogugélido), isso nega o efeito do calor na Fenda do Ancião; Também é possível eliminar essas inconveniências utilizando amuletos e adornos, porém, acaba sendo um desperdício pra sua build, já que são problemas muito fáceis de serem contornados, mas aí também vai depender do seu estilo de jogo que procura se defender mais ou é porra loka (eu) e só vai kkkk; HR49 Nesse ponto do jogo você, provavelmente, já vai estar manjando bem de como funciona as mecânicas de alguns monstros e de suas armas, porém, você ainda pode passar por alguns problemas, e parte desse problema é você não ter missões/investigações que dê boas recompensas, já que é a última missão obrigatória do jogo; Pra quem não está entendendo nada, o HR49 é o rank do seu caçador onde lhe é requisitado a missão de enfrentar um Kirin aguerrido (Tempered Kirin). Utilize esta missão pra farmar pegadas e rastros do Kirin pra ganhar algumas investigações de dragões temperados, isso irá evitar de você ter que ficar procurando sala online torcendo pra aparecer uma missão do mesmo tipo/nível; Ao invés de ir na missão bater no bicho ou ser espancado (sim, nesse seu estado ele tem golpe hitkill), vá pra coletar pegadas e outros rastros que ele deixa, até liberar uma quantidade considerável de investigações de monstros aguerridos de tier 3 (vulgo dragões anciões). O Kirin não é hostil se você não o provocar, então só ande atrás dele coletando pegadas; Existem eventos no jogo que servem apenas pra coletar esses tipos de rastros, mas não é toda hora que ocorre, então é melhor prevenir que ficar esperando; Mesmo encontrando muitas missões desse nível em sinais de SOS, você ainda não poderá participar, pois somente HR50+ podem participar, e o jogo trava você no HR49 até matar o Kirin; Um caso semelhante também ocorre no HR29 onde você precisa matar 2 Bazelgeuse Aguerridos; CONSUMÍVEIS Entenda um pouco a finalidade de alguns consumíveis do jogo e quando utilizar: Poção: Recupera uma quantidade pequena de vida, estilo Dark Souls. Existe também a Megapoção que aumenta a quantidade de vida recuperada. Para fazer a Poção você precisa de Erva, e a Megapoção é uma poção normal e mel; Poção Máxima/Ancestral: É a versão op da poção, a sua cura é instantânea já que a mesma é consumida mais rápida por ser uma capsula, além de recuperar toda a vida ela ainda restaura a estamina. A versão Ancestral tem o bônus de aumentar a barra de vida e a estamina em 50 pontos. Você só pode carregar 1 Ancestral e 2 Poções Máximas, dado o quão forte elas são, todavia, nada lhe impede de carregar os materiais necessários para o craft delas. Utilize esses recursos apenas em casos de emergência, dado a dificuldade que é encontrar os materiais necessários para a fabricação do mesmo; Nulafruta: Anula debuffs que alguns monstros podem colocar em você. Ela é essencial na batalha contra o Vaal Hazak caso você não esteja com adornos de anular por completo o eflúvio. O debuff que o monstro coloca, simplesmente, corta a sua vida pela metade, ficando suscetível a morrer facilmente pra qualquer ataque do mesmo. Lógico que existem outros monstros que causam debuffs, mas esse é o mais perigoso deles; Antídoto: Remove veneno do personagem. É ótimo contra o Pukei Pukei, Rathian e Rathalos. Existe também a versão “plus” desse antídoto que é a Erva Medicinal, consumida mais rápida e ainda dá um pouco de vida; Carne Seca de Astera (Astera Jerky): Estanca sangramento e melhora a capacidade regenerativa do personagem. Essencial contra o Odogaron e o Behemoth que, por enquanto, são os únicos monstros que dão esse “debuff” (nulafruta não cura isso). Caso não esteja com a Carne Seca na bag, você pode curar o sangramento ficando agachado e parado por um tempo; Carne Crua: É utilizado no espeto de churrasco. Asse a carne e retire no momento certo. Dependendo do tempo que você retirar a carne isso irá gerar uma Carne Mal Passada (aumenta moderadamente o vigor), Carne Bem Passada (aumenta moderadamente o vigor e o mantêm no máximo por um período de tempo) e a Carne Queimada (aumenta um pouco o vigor, mas pode ser comido rapidamente); Isotônico: Restaura a estamina e ainda dá um bônus de 50 pontos, além disso, ela também reduz o consumo do mesmo. É essencial você estar carregado desses itens ao utilizar armas dependentes da estamina. Arco (Bow), Glaive Inseto (Insect Glaive) e Duplas Lâminas (Dual Blades) são exemplos; Grão duro/ Pele de Pedra/ Megapele de Pedra/ Pílula Dura: Tem o intuito de aumentar sua defesa temporariamente, com exceção da Megapele de Pedra que dura a Quest Inteira; Grão de Força/ Pílula Demoníaca/ Megapílula Demoníaca/ Pílula de Força: Aumentam a força temporariamente, com exceção da Megapílula Demoníaca que dura a Quest inteira; Energético: Te buffa com um aumento de vigor, e deixa você temporariamente imune a ataques que causam sono. Ótimo contra o Radobaan; Existem MUITOS outros itens no jogo, todavia, os citados acima são os que você vai utilizar com mais frequência; ARMADILHAS/CAPTURA Ao chegar no tutorial de captura de monstros, o jogo vai ensinar que você precisa primeiro fazer o monstro cair em uma armadilha quando estiver fraco e em seguida jogar as bombas sedativas, todavia, você também pode fazer ao contrário, mas o tempo de fazer o monstro cair na armadilha após utilizar a bomba sedativa é curto, então pense bem. Normalmente, faço isso quando não tenho conhecimento total do monstro e/ou certeza do mesmo estar fraco o suficiente para ser capturado. Ao jogar as bombas sedativas primeiro você já ativa o “trigger” dele que ao cair em uma armadilha o monstro é capturado, mas caso ele caia na armadilha e não seja capturado...meta porrada até ficar fraco o suficiente; Lembrando que você precisa tacar duas bombas pra fazer efeito; Dragões Anciões não podem ser capturados e não caem em armadilhas; CENTRO DE BOTANOLOGIA Ao liberar todas as melhorias possíveis nessa área, você pode otimizá-la para sempre conseguir recursos em mais quantidade e mais rapidamente. O essencial nessa dica é você ter liberado os últimos 5 fertilizantes para o mesmo, mais especificamente o Solo Macio e os 4 fertilizantes com uma estrela ao lado do ícone; Perceba que todos os fertilizantes duram 4 missões, então você pode aplicar 1 diferente toda vez que retornar de uma missão, é tempo suficiente pra conseguir manter os 4 fertilizantes em funcionamento. Após conseguir isso, você pode aplicar um Solo Macio e estender a duração dos 4 por mais 5 missões. A partir daí é só você não esquecer de sempre conferir se não precisa aplicar o Solo Macio novamente. Isso poupa você de gastar muitos pontos de pesquisa, e ainda dá todos os benefícios que esses fertilizantes possuem a qualquer momento. Lembrando que o limite é 9 missões pra todos; AMULETOS E GARRAS Tenha em mente que, caso você queira algum up no ataque e defesa do personagem, você terá que abrir mão de 4 slots na sua bolsa, pois em determinado ponto do jogo você conseguirá liberar no Estoque de Provisões os amuletos de ataque e armadura. O preço dos mesmos é bem alto, todavia, ao mantê-los na sua bolsa eles dão um bônus de ataque e defesa. Guarde dinheiro para comprar 2 amuletos de cada. Dois (Ataque e armadura) você manterá na sua bolsa e os outros dois você utilizará para o craft das Garras do Poder e Armadura, que tem o mesmo intuito dos amuletos. Garras do Bazelgeuse são necessários para o craft desses itens; PÓS-CAÇA Logo quando você terminar de matar o monstro da quest, aparecerá uma animação dele morrendo e talz, e isso as vezes incomoda. Aperte “Start” do controle que você pula essa animação; Acho que o essencial que vocês precisam saber já foi dito. Ainda existem muitas mecânicas para serem exploradas, todavia, deixarei para vocês descobrirem e fazerem bom uso dos mesmos. HAPPY HUNTING! Créditos: @Hentai(Texto, Formatação, Imagens, Vídeos)
  12. Um tutorial com o intuito de ajudar os iniciantes no jogo, até mesmo na franquia Monster Hunter. Vejam isso também como uma preparação/adição para a expansão “Iceborne” que chegará em breve; NOVO MUNDO! Bem-vindo ao “Novo Mundo”! Local onde se passa a história do jogo. Diversos tipos de biomas, desde a densa Floresta Ancestral/Ancient Forest, até a podridão do Vale Putrefato/Rotten Vale. A vida animal também é muito rica, com diversas espécies terrestres, aquáticas, aviárias e, até mesmo, podres; Você faz parte da quinta frota de pessoas que estão destinadas a investigar e pesquisar Zorah Magdaros, um dragão ancião, além claro do novo mundo e outros mistérios que há por trás dele e outras criaturas; Você passará muito tempo em 5 mapas principais: A Floresta Ancestral (Ancient Forest) O Ermo Selvagulha (Wildspire Waste) Os Planaltos Coralinos (Coral Highlands) O Vale Putrefato (Rotten Vale) A Fenda do Ancião (Elder Recess) Astera Existem outros mini trechos de mapas, mas são, praticamente, apenas para a batalha contra Zorah Magdaros em que ele próprio é o mapa; A Floresta Ancestral Ermo Selvagulha Planaltos Coralinos Vale Putrefato Fenda do Ancião Astera ASTERA E SEUS SERVIÇOS Astera é a sua “safe house”, um lugar onde você pode comprar e vender itens, cultivar ervas e outros, forjar armaduras e armas, treinar, fazer umas macumbas (kkk), se encontrar com outros players online, participar de eventos, pegar missões, etc; Listarei abaixo alguns locais/serviços que você pode encontrar em Astera, além de especificar também a finalidade de cada um; Área de Encontro Área de Treinamento Cantina Centro de Botanologia Centro de Recursos Elevadores Estoque de Provisões Ferreiro Fundidora Anciã Centro de Pesquisa Ecológica Quadros de Missões Caixas de itens Quarto O Argosy Área de Encontro Em Astera, a área de encontro é o único local onde você pode se encontrar com outros players online. Lugar que é possível fazer interações especiais como queda de braço, ou até mesmo só tomar uma bebida na mesa com os amigos (kkk). Quando surgem eventos especiais relacionado às estações do ano ou datas comemorativas, a área de encontro muda o seu visual/temática para a celebração em questão; Halloween Festa da Primavera Festa do Verão Festa do Inverno Festa do Outono Festa de Ano Novo Esses são apenas alguns exemplos de eventos que o jogo elabora; Além de mudar o visual, a mesma também possui a maioria das coisas necessárias para fazer o seu “Loadout” para a missão. A cantina, o estoque de provisões, a caixa de itens e as duas NPC’s para você ter acesso às missões e arenas. O Cerco Kulve Taroth (Kulve Taroth Siege) só pode ser acessado por essa área, ele não aparece nos Quadros de Missões ou com a sua Assistente; Área de Treinamento É o lugar que você utiliza para treinar o uso das armas, entender a mecânica de cada uma delas e testar builds. Pra quem está iniciando no jogo ou deseja começar a utilizar alguma outra arma, recomendo dar uma passada nessa área antes de ir pra alguma missão; Aqui também tem a caixa de itens, então você é livre pra escolher o equipamento e arma. Caso esteja treinando com um Fuzilarco ou Arco e quiser testar as munições, não tem problema, pois nessa área as munições não são contabilizadas. Caso esteja treinando com armas que utilizam um escudo, você pode testar o recuo da defesa estourando um barril com pólvora que tem no centro da área; Essa área pode ser acessada por um das saídas/entradas de Astera, pelo mapa mundi ou pelo zelador que fica no seu quarto; Cantina A cantina é o local utilizado para comer e ganhar certos buffs antes ou durante as missões. Todos os mapas possuem um acampamento pra você repor ou estocar seus itens, e junto deles também tem a cantina. Digamos que a cantina de Astera é a principal, já que o chef Miaustre está lá. Nos acampamentos quem faz a comida é a sua assistente. Alguns buffs que você pode ganhar são: Aumento de Vida Aumento de Estamina Aumento de Defesa Aumento de Resistência Elemental Aumento de Ataque Lembrancinha Felina Seguro Felino Acrobata Felino Bombardeiro Felino Os buffs não estacam e existe um cooldown de 10 minutos para que você possa comer novamente. Caso desmaie no meio da missão você perde os buffs, mas isso não lhe permite comer novamente, a regra dos 10 minutos ainda continua valendo. Você pode comer utilizando como forma de pagamento dinheiro, pontos de pesquisa ou então um vale (voucher). Apenas esse último que as chances de ativação de certos buffs funciona 100%. Sim, você não pode ser buffado com tudo que a cantina oferece, já que quebraria o jogo, então escolha os melhores buffs pra determinada missão que estiver fazendo; No início do jogo os buffs são fracos e não tem muitas opções de refeição, além de poucos ingredientes pra você escolher. A cantina vai melhorando conforme você progride na história, pra ser mais exato, quando você começa a pegar missões de rank elevado que ela se torna um pouco mais decente. Outra é entregando itens no Centro de Recursos que são requisitados por alguns NPC’s; Centro de Botanologia É a área que você utilizará para cultivar algumas ervas, insetos e cogumelos. Matérias primas para o craft de certos itens como consumíveis, armadilhas, bombas e munições para arco e fuzilarco; Todos esses recursos você pode encontrar ao explorar o mapa, então o Centro de Botanologia serve como um suporte, caso tenha algum recurso que esteja em muita falta; Essa área é liberada conforme você avança no jogo, mas é quase no início, todavia, vem com algumas limitações. Começando apenas com 1 slot para cultivo, nenhum fertilizante para melhorar a colheita, e somente 10 espaços na caixa de colheita. As melhorias você consegue completando certas missões e entregando alguns itens no Centro de Recursos; Centro de Recursos Uma das áreas mais importantes do jogo. Recursos que os NPC’s pedem para adquirir certas melhorias em outras áreas e skins são entregues todas aqui; Existem 3 menus nessa área. O menu de caçadas, de investigações e de entregas; O menu de caçadas você utiliza para registrar certos objetivos que, ao completar você pode ser recompensado com pontos de pesquisa, esferas de armadura (utilizado para upar o nível de suas armaduras), marcas de serperiano (utilizado pela Fundidora Anciã para obter materiais de monstros) e itens especiais quando rola algum evento; As caçadas registradas se atualizam a cada missão que você vai, mas isso não anula as missões que você escolheu completar, então elas podem ser feitas no tempo que você quiser, apesar do recomendado é você completar elas o mais rápido possível para a obtenção das esferas de armaduras. Lembre-se sempre de passar nessa área após retornar de uma missão, pois você não ganha os prêmios sem visitar aqui antes; As caçadas críticas são utilizadas para ganhar itens e liberar melhorias em algumas áreas, mas elas servem, principalmente, pra liberar acampamentos nos mapas e facilitar a locomoção através de viagens rápidas (fast travel) entre elas. Lembrando que pra liberar a entrega de recursos relacionados ao acampamento e ele ficar disponível no mapa, primeiro você precisa encontrar o local no mapa; As caçadas limitadas tem o mesmo intuito das caçadas registradas, entretanto, os prêmios dela são melhores e são atualizadas semanalmente; O menu de investigações é onde você vai coletar missões especiais para a obtenção de materiais especiais como, materiais raros de monstros que são difíceis de serem obtidas através de uma missão simples, e adornos (jewels) para equipar as suas armaduras e armas aprimorando sua build; Diferente das Missões Opcionais, as investigações tem certas condições como, limitador de tempo, quantidade de tentativas que pode ser feita a missão e quantidade de vezes que você pode desmaiar na mesma; Você pode liberar mais investigações nessa área coletando rastros de monstros pelo mapa. Isso pode ser feito em uma expedição simples, ou então no meio de uma missão. Fique atento, pois existem eventos no jogo feitos só para farmar essas investigações, desde os níveis razoáveis até os mais altos conhecidos como “Monstros Aguerridos” (Tempered Monsters); O menu de "Entregas" é auto-explicativo; Elevadores Os elevadores são uma forma rápida de locomoção por Astera. Ao invés de ficar subindo e descendo escadas, basta utilizar o mesmo para ir direto ao andar onde está o destino. Ressaltando que a maioria dos itens desse tópico se localizam logo na entrada de Astera, o Centro de Comércio. O ferreiro, a cantina e a Área de Encontro estão em andares diferentes; Estoque de Provisões É o local que você poderá comprar consumíveis, munições, armadilhas, e outros itens para craft que só podem ser adquiridos aqui. Os barris para a fabricação de bombas e a chave armadilheira para a criação de armadilhas são exemplos; Também é possível efetuar a venda de certos itens que estão no seu inventário, como consumíveis, adornos, minerais, partes de monstros, etc; Ferreiro Em Astera, provavelmente é o lugar que você mais passará tempo. É aqui que você pedirá ao ferreiro forjar as suas armaduras e armas, upar os equipamentos, aplicar alguns buffs e efeitos especiais nas armas, personalizar o fuzilarco pesado, etc; O menu “Forjar Equipamento” é autoexplicativo. Os materiais necessários para a criação costumam ser minerais encontrados no mapa, ossos e partes de monstros, além, claro, de muito dinheiro; “Melhorar Equipamento” outro título autoexplicativo. Utilize este menu para fazer o melhoramento das armas e equipamentos. Todas as armas criadas em “Forjar Equipamentos” são bases para serem upadas aqui. Atributos como raridade, elemento e afiação vão ser definidas aqui através de uma árvore evolutiva. Lembrando que materiais de monstros e dinheiro são necessários para cada etapa evolutiva da arma; O aumento das armaduras funciona através de pontos de melhorias. Cada nível da armadura pedirá determinada quantidade de pontos para upar. Esses pontos são contabilizados em Esferas de Armaduras. Cada esfera oferece uma quantidade fixa de pontos: Esfera de Armadura (1) Esfera de Armadura + (5) Esfera de Armadura Avançada (20) Esfera de Armadura Rígida (80) Esfera de Armadura Pesada (200) A quantidade de pontos que uma armadura requer será influenciada por sua raridade. Lembrando que o level up das armaduras melhora apenas a defesa. Outros atributos ainda continuam os mesmos; O mesmo esquema pra melhorar as armas, também é usado pra melhorar os amuletos; O menu “Aumentar Equipamento” vai ser utilizado para duas coisas. Aplicar buffs especiais nas suas armas e “remover” o limitador de nível da sua armadura (na verdade essa opção apenas aumenta o limite); Os buffs são: Aumento de Ataque Aumento de Afinidade Aumento de Defesa Melhoria de Engaste (aumenta/melhora o slot para adorno) Regeneração de Vida (recupera vida ao atacar) Pedriachos são necessários para você estar efetuando essas melhorias (arma e armadura), e são adquiríveis completando investigações de monstros aguerridos (são representados por uma aura roxa). Existem missões especiais que podem estar dropando esses itens ao completa-las. Um exemplo é “Visitante de Eorzea” (missão especial feita em parceria com a franquia Final Fantasy); Os pedriachos se dividem em: Pedriacho Fragmento de Pedriacho Pedriacho Reluzente Pedriacho do Guerreiro Pedriacho do Herói Pedriacho do Guerreiro e Pedriacho do Herói são utilizados pra buffar as armas, e cada um deles é necessário um pedriacho específico; Pedriacho Haste: Glaive Inseto (Insect Glaive) e Arco (Bow) Pedriacho Espada: Espada Longa (Longsword) e Espadão (Greatsword) Pedriacho Martelo: Martelo (Hammer) e Berrante de Caça (Hunting Horn) Pedriacho Lança: Lança (Lance) e Lançarma (Gunlance) Pedriacho Lâmina: Espada e Escudo (Sword and Shield) e Lâmina Dupla (Dual Blade) Pedriacho Machado: Transmachado (Switch Axe) e Lâmina Dínamo (Charge Blade) Pedriacho Alcance: Fuzilarco Leve (Light Bowgun) e Fuzilarco Pesado (Heavy Bowgun) “Forjar Equipamento de Amigato” tem a mesma finalidade do menu de forjar armaduras com algumas diferenças. A primeira, obviamente, é que os equipamentos criados aqui são destinados ao seu amigato, e segundo é que a “moeda” utilizada são os pontos de pesquisa; Cada Fuzilarco tem características próprias como recuo, escudo, quantidade de munição, desvio e velocidade de recarga. O menu “Personalizar Fuzilarco” é destinado apenas aos fuzilarcos pesados. Você tem 3 slots para aplicar essas melhorias e mostrando o efeito do mesmo em cada tipo de munição. Observação que as melhorias deste menu não têm custos; “Organizar Kinsetos” é destinada às Glaive Insetos (Insect Glaives). Neste menu você pode efetuar a compra, upgrade e modificação de kinsetos (kinsects). É semelhante a árvore evolutiva das armas; O menu “Adornos de Conjunto” serve para equipar e desequipar adornos dos seus equipamentos; "Mudar Equipamento" menu auto-explicativo; Fundidora Anciã Local utilizado para trocar alguns itens, materiais de monstros e adornos por outros através da técnica de fundição. Não é necessário dinheiro nessa área, já que todos os serviços são feitos por pontos de pesquisa; Tudo que você deseja obter tem uma quantidade necessária de pontos de fundição e pesquisa. Cada item que você oferece tem um valor de pontos que ele adiciona a fundição. Exemplo: Para fazer uma “megapoção” ela necessita de 10 pontos de fundição e 20 pontos de pesquisa, então você pode utilizar 5 Minérios de Ferro (2 pontos cada) ou 2 Minérios de Dragonita (5 pontos cada). Ressaltando que é possível fazer mais de um, todavia, os pontos de pesquisa também aumentam. Não tem como fazer 100 Megapoções pagando apenas 20 pontos de pesquisa; “Fundir itens” é o menu utilizado onde você troca certos materiais por alguns itens consumíveis, craft ou materiais de monstros. Somente “Marcas de Serperiano” podem ser utilizados para troca de materiais de monstros. Essas “Marcas” podem ser adquiridas no Centro de Recursos completando as Caçadas; “Fundir adornos” tem o mesmo propósito do menu anterior, todavia, tudo é relacionado apenas a adornos. Lembrando que não é possível fundir todos os adornos do jogo, a maioria é adquirível apenas em missões; “Ritual do 1º Serperiano” faz uso dos seus adornos e pedriachos para a criação de Pedras Fey. Pedras essas que quando avaliadas geram adornos de diferentes raridades dependendo da pedra. As pedras existentes no jogo são: Pedra Fey Misteriosa Pedra Fey Reluzente Pedra Fey Gasta Pedra Fey Deformada Sendo a Pedra Fey Misteriosa a mais comum e a Deformada mais rara. Atualmente a Pedra Fey Deformada só pode ser adquirida em missões especiais e de ranks muito elevados, como a caça de Monstros Aguerridos (Tempered Monsters) de tier 3, no Cerco Kulve Taroth, no Behemoth e outros; Deixando claro que toda vez que você adquire uma Pedra Fey, uma janela de avaliação é aberta para decidir se quer avaliar as mesmas e receber os adornos ou vende-las; Centro de Pesquisa Ecológica Você utilizará muito esse local para reportar e ganhar conhecimento dos monstros através dos rastros que você coleta em expedições ou no meio de missões; “Níveis de Pesquisa” é autoexplicativo. Dependendo do nível de pesquisa do monstro você é capaz de descobrir informações essências do mesmo como pontos fracos, elementos que são eficientes, partes quebráveis para obtenção de materiais específicos e a taxa de drop de cada material; “Investigações Especiais” vão ser necessárias em determinadas partes da história. Basicamente é uma caça a rastros em diferentes mapas do jogo para conseguir liberar a missão e progredir na história; “Bestiário” título autoexplicativo. Aqui fica anotado tudo sobre os monstros que você encontrou. Esse menu também pode ser acessado no botão “Start” através do menu “Informações do Caçador”; Quadros de Missões e a Assistente Tem praticamente as mesmas funções da sua assistente, que é se conectar no online, pegar missões pra progredir na história, ou então responder a SOS de outros players para ajudar na caça; “Publicar nova missão” título autoexplicativo; “Entrar numa Missão” também é autoexplicativo. Essa opção só fica disponível quando você estiver online/sessão. Caso você esteja na mesma sessão de alguém e essa publique uma missão, é aqui que você terá acesso a ela. Também é o menu que você poderá responder a SOS que, diferente da opção anterior, ela pega todas missões que tiveram um sinal SOS disparado, independente da sessão que você está; “Sessão Online” explicando de maneira rápida, é a opção que você utiliza para se conectar online, entrar e criar sessões sendo com amigos, desconhecidos ou solo; Caixa de Itens Em Astera, essas caixas estão distribuídas em diversos locais, já que é nela que você fará grande parte do “Loadout” para as missões. É possível encontrar uma na entrada de Astera, na cantina, no seu quarto, na área de treinamento, na entrada do ferreiro e uma na Área de Encontro. Muitas opções dessa caixa já foram explicadas nos tópicos anteriores, então irei dar ênfase apenas nas novas; “Organizar itens”, título autoexplicativo. Nesse menu você fará o gerenciamento dos seus itens e bolsa, escolhendo o que vai levar para a missão. Lembrando que cada item tem um limite de quantos você pode carregar na bolsa; “Lista de criação” menu que você utilizará grande parte dos recursos coletados para a fabricação de consumíveis, armadilhas, munições, etc. Na hora de escolher o que levar para as missões, não esqueça também de adicionar materiais necessários para o craft, principalmente pra jogadores de Fuzilarco e Suporte, já que no menu de start do jogo é possível criar itens durante a missão. Acredite, dependendo da sua build será necessária a criação de munições durante a missão; “Alterar cor da armadura”, título autoexplicativo. Acessível apenas depois de um certo progresso na história; “Opções de camadas de armadura” é como se fossem skins para o personagem. Caso a sua build tenha deixado o personagem mais feio que bater na mãe, tu pode fazer uso deles pra tentar ficar menos horrível. Observação que todas as skins do jogo você pode adquirir no centro de recursos, com exceção da skin samurai que só é possível adquirir por meio da versão deluxe do jogo; Quarto Local onde você “descansa”, faz o gerenciamento dos equipamentos do amigato e algumas interações com o zelador que será explicado mais a frente; Começando pelo seu amigato, a maioria das suas opções são autoexplicativos como alterar a armadura, a arma, o equipamento especial (gadget), ou então deixa-lo para trás e ir caçar sozinho; Os gadgets dos amigatos são: Rajada de Vigorespa Gaiola de Mosclarão Agulha Escudo Orchestra Coralina Lamispólio Coquetel Meowlotov Passando para o zelador, é nele que podemos fazer coisas como decorar o quarto, resgatar itens de dlc e outros, acessar a área de treinamento, etc. “Safari Atacaudas”, são expedições que você envia alguns amigatos para farmar itens, podendo escolher grupos mais ou menos qualificados, cada um com um preço em pontos de pesquisa. Os grupos disponíveis vão depender do nível dos amigatos dos jogadores que você já participou/participa mais em missões; “Ir para a Área de treino” título autoexplicativo; “Colocar seus mascotes” é onde você pode decorar o quarto com alguns bichos que você pegou com a rede de captura; “Mudar para quarto novo” como o próprio nome diz, você pode mudar de um simples alojamento compartilhado, até a uma suíte particular. Só é liberado essa opção em determinada parte da história e rank do seu caçador; “Resgatar expansão/bônus” título autoexplicativo; O Argosy O capitão do Argosy costuma trazer algumas mercadorias que você pode comprar com os pontos de pesquisa. Não tem como comprar mercadorias individuais, apenas um grupo inteiro de itens. Dentre essas mercadorias você pode encontrar: Consumíveis Materiais de Monstros Itens de troca É um bom local para você ganhar um dinheirinho, já que esses itens de troca você utiliza pontos de pesquisa para comprá-los, e revende por um bom preço em Zennys (moeda do jogo); No menu “pedir mercadorias” você pode escolher o que ele irá trazer para compra na próxima carga de mercadorias; Diferente do Centro de Botanologia e o Centro de Recursos onde sempre acontece algo quando você retorna de alguma missão, o capitão permanece algumas missões sem mudar o seu estoque. Quando acontece ele se ausenta de Astera e fica algumas missões fora. Ressaltando que não é possível comprar o mesmo conjunto de mercadorias mais de uma vez, então planeje bem o que deseja que ele traga; Os Acampamentos (Bônus) Apesar de não ficarem em Astera, achei interessante falar um pouco dele neste tópico, pois o mesmo é essencial durante as missões; Como já citei anteriormente, a maioria dos acampamentos dos mapas ficam desabilitados, e para liberar o mesmo você só precisa encontra-lo no mapa e entregar os itens pedidos no Centro de Recursos; Todos vêm incluso uma pequena cantina, então não precisa se desesperar caso tenha ido pra missão sem fazer uma refeição antes; Dentro do acampamento você pode fazer o gerenciamento de alguns itens e troca do equipamento seu e do amigato, todavia, algo essencial e que não é possível fazer é a adição e remoção dos adornos de seus equipamentos, isso só é possível em Astera, então fique atento. Happy Hunting! Créditos: @Hentai (Texto, Formatação e Imagens).
  13. Wolfpack

    1ª Partida - Vasco 2ª Partida - Palmeiras 3ª Partida - Grêmio 4ª Partida - Corinthians 5ª Partida - Bahia 6ª Partida - São Pauloo 7ª Partida - Atlético Mineiro 8ª Partida - Flamengo 9ª Partida - Botafogo 10º Partida - Goiás




×